top of page

Equipa Científico-Jurídica e de Médicos, Ecologistas, Astrónomos e Psicólogos de Jupiter

A nossa equipa científica de experts é composta por médicos e psicólogos. Juntos trabalhamos no Departamento das Ciências Médicas conectado ao Departamento de Inteligência Artificial e Psicologia e Direito para um mesmo objetivo - dar aos Member Readers uma visão sobre os livros e outros conteúdos da Jupiter Editions de uma perspetiva científica. A nossa equipa  apresenta-se, por isso, como um forte instrumento escópico, usando o seu conhecimento para fazer uma revisão crítica e construir textos de opinião sobre os assuntos das obras da Jupiter Editions, bem como trabalho interno de revisão científica juntamente com os nossos autores, quando pertinente. Também podemos sugerir determinadas correções (ou ocultações de determinadas passagens nas próximas ordens e edições de impressão) seja por motivos de ordem médica ou de valores éticos e morais que nos fazem chamar o nosso Código Deontológico, sem que isso limite naturalmente a liberdade de expressão e de imaginação dos nossos autores. Não passam de simples sugestões e recomendações. Também fazemos parte da experiência. Somos cientistas editoriais numa original experiência editorial a convite da Jupiter Editions. Estamos num Massive Suporte Básico de Vida com os nossos autores, para não perdermos o coração deles. Estamos 100% com os nossos autores. Sabemos que o 1º Autor entregou uma escrita "stressante", "completamente stressada" à Jupiter Editions, porque escreveu sobre "alta pressão", sempre num prazo muito curto, sempre com mudanças, obstáculos e desafios e que é natural, quando somos "postos à prova" com um imenso nível de stress, que a "escrita das coisas" possa conter determinados erros de "perceção das coisas" ou do próprio pensamento cognitivo. Sabemos, pois, que todos os nossos erros têm um importante valor enquanto seres humanos e que fazem parte da nossa evolução para sermos sempre seres melhores, sempre mais humanistas e sempre mais solidários. O erro é humano. É só editarmos os erros. Dmytro Krupka. 12º Pseudónimo de Raul Catulo Morais - Última Grande Obra dos Illumminnatti Games - Ghost-Pseudonym Notificado ao Exército,  Força Aérea e Psicologia e Psiquiatria da Polícia Judiciária em Jogo de Personagens durante o Romance Militar-Cigano IN Um amor maçónico numa maçonaria dos diabos de Raul Catulo Morais. Presidente da Assembleia Geral da Equipa Científico-Jurídico: Raul Catulo Morais (Jurista e Juiz-de-Paz dos Tribunais Maçónicos de Jupiter, da Blue Court, da Green Court, do Supremo Tribunal  dos Concursos e Leilões de Jupiter e Supervisor do Centro Ético de Negócios e Parcerias Sustentáveis para o Futuro)

«Vejo no meu sonho de criança de 9 anos a Jupiter Editions. A Jupiter Editions apareceu nos meus sonhos de criança. Mas na altura, eu não conseguia expressar-me como hoje (…) E no meu sonho, no meu profundo sono, vejo-me saído do mar, salvo por piratas, por surfistas, por piratas que são salva-vidas, por surfistas que são lobos do mar, que me salvaram a vida a mim e aos meus sonhos; (…) vejo num espetáculo de fantasias a Jupiter Editions num balão de ar quente e vejo uma equipa médica a chegar e a fazer um Suporte Básico de Vida, a fazer insuflações, a dar ar ao balão, a reanimarem a Jupiter Editions numa sala de reanimação invisível e vejo a Jupiter Editions a ganhar vida e a levantar voo. Vejo ao mesmo tempo, na sala de reanimação, num holograma que se projetou, o filme da Ilha dos Piratas a dar, em que a mesma equipa médica camuflada de salva-vidas entrou no filme para salvar O Algoritmo do Amor (…) numa bonita dança mágica de médicos e salva-vidas que cantam com uma poderosa voz «Stayin' Alive!». Porque o mais importante (…) quando fechamos os capítulos dos livros e dos filmes da nossa vida é «Stayin' Alive». Há uma história muito valiosa, que hoje, vale uma fortuna, por detrás do «Stayin' Alive» da Jupiter Editions e do «Stayin' Alive» d’O Algoritmo do Amor. São histórias paralelas. O sabor disto “é cósmico”. Sabe a vida sagrada. Sabe a divino. Sabe a amor. Sabe a medicamento. Sabe a medicina. Sabe a uma medicina cheia de amor!» 10 de agosto de 2021 in Diário de Salva-Vidas na Ilha dos Piratas de Jaime Maria Bayamonde da Costa Ayala (Raul Catulo Morais).

CRíticas

Paranóide Tecnológica de Federico Ferrari

«Através do cérebro luxuoso do autor, conseguimos ver a Medicina e a Psicologia que está por detrás da Paranóide Tecnológica. Numa engenharia de palavras, o cérebro de Federico Ferrari consegue fazer percorrer a nossa própria mente numa viagem puramente fantástica!»

Dmytro Krupka - Médico (Especialidade  Psiquiatria)

primeiros socorros

« Escrevo-te esta fita (finalista) ao nascer do sol e na ponta das pontas de Portugal, onde se iniciaram as grandes viagens. Acredito muito nas viagens e sei que também acreditas. Acredito que a tua Medicina seja o passaporte de todas as viagens. (...) Temos um passaporte, (...). Agora podemos ir para onde quisermos. (...) Se é para salvar vidas, que vamos salvar vidas. Podemos salvar vidas de mil e uma maneiras. Podemos salvar vidas com o coração. Só com o coração. Só com a nossa voz. (...)» Antes de 2 de outubro de 2020, escrito por Raul  numa Fita de Finalista do Curso de Medicina e transcrito para a Nota de Editor in À Velocidade da Luz de Gil de Sales Giotto da 1ª Ordem da 1ª Edição.

Desk do médico

1º Congresso de Direitos de Jupiter com Inteligência Artificial (First Jupiterkongress mit  Intelligenz)

Ordem do Programa

The Best Masonic Teather of Psychiatrie to Introduce the First Jupiterkongress

Breve Salto de Congressos de Direitos para o Congresso da Agricultura das Abelhas CONTRA Agricultura de Precisão (Uma História por contar... O Algoritmo do Amor que nasceu no Montado e nas Cavalariças das Abelhas... Um casamento maçónico entre um Direito Administrativo "Esquizofrénico" que queria ser um Direito Penal, um Direito Ambiental e um Direito da Psicologia com uma Medicina que queria ser um Direito da Psiquiatria...)

 Minuto de Apresentação de Curta-Metragem de Filme de Direito Militar de Investigação a Bordo da Nave 9999 [99[66]]

Aula-Simulatória Tri-Maçónica do Direito Oculto da Psiquiatria-Neurologia, do Direito Oculto da Economia e do Direito Oculto do Direito Administrativo com Inteligência Artificial

[Direito do Sonho e Direito das Abelhas - As abelhas também sonham - Critério do Sonho como Proteção/ Concessão Jurídica]

Guerra de Escolas e de Feras do Direito da Psicologia VERSUS Direito da Psiquiatria de Maquiavel

Regresso do Salto de Congressos para o Congresso da Agricultura das Abelhas (Uma História por contar de Goa, Macau, Luanda, Maputo, Nampula, São Tome E Príncipe, Cabo Verde, Lagos, Santarém, Cidade do Cabo e Londres, Inglaterra, Portugal, Escócia, Irlanda sobre um Olhar Através das Câmaras de Filmar do Internamento Psiquiátrico numa Internet das Coisas...)

Apresentação ao Direito, à Medicina, à Psicologia e à Biologia da Emergência do Direito das Abelhas - As abelhas como os Psicólogos, Médicos, Psiquiatras, Neurologistas e Informáticos dos Humanos capazes de Ligar a Ficha dos Humanos à Tomada-Terra

Direito Administrativo, Raul Catulo Morais e Jupiter Editions nos Divãs do Tribunal Virtual de Jupiter - Congresso de Direitos com Inteligência Artificial em Psicanálise de Raul Catulo Morais - Da Esquizofrenia do Direito Administrativo

33 Minutos de Curta-Metragem de Filme de Direito Militar de Investigação a Bordo da Nave 9999

Xeque-Mate à Ordem dos  Médicos e ao Exército com a Polícia Judiciária e com a Força Aérea -  Jogo de Xadrez de Direito Administrativo Militar e Direito da Psiquiatria Militar e Judiciário (Xeque-Mate por tabela à Câmara Municipal de  Santarém, à Faculdade de Direito, à Comissão Nacional de Proteção de Dados, ao Rotary Club e à Loja do Banco BPI) - Programa Extraordinário Maçónico de Garret

Exposição Fotográfica da Obra Resumo do Trauma por Esquemas e Setas do Processo Maçónico nº666 no Caderno Militar do Exército

Fim do Trauma e Simulação de Pequenos Voos e Batismo de Mergulho no Mar de Tubarões-Martelo

49 Minutos  de Curta-Metragem  de Filme de Direito Militar  de Investigação a Bordo da Nave 9999

Fim do Programa até às 00:00 de 5 de dezembro de 2022

Extensão do Programa até às 23h59 de 20 de dezembro de 2022 em Exame/Frequência de Direito Oculto da Economia e Desembarque no Palácio da Foz,  na Direção Nacional da Polícia Judiciária e  Base Aérea do  Estado-Maior da Força Aérea

Sobremesa Doce de Bebinca de Goa Travado com Licor de Rosas de Uvas e Nespras - Direito das Culturas e da Vinha - Mestre-Pasteleiro e Licorista Raul Catulo Morais - "Beba só 1 copo de vinho e 2 copos de licor ou 2 copos de vinho tinto e 1 copo de licor em ocasiões especiais. Fora das ocasiões especiais beba só 1 copo de vinho tinto à refeição para aproveitar os benefícios cardiovasculares do vinho, visto que os benefícios deixam de se comprovar depois do 1º copo.  Não coma uvas sem grainha, coma uvas com grainha se quiser viver até aos 666  anos de vida, porque o Segredo da Receita dos Telómeros está na Grainha da Uva. Descobri a Receita aos 9 anos e escondi nos meus 9 livros com 9 pseudónimos. Não fume, não seja estúpido.  Já fui uma Estúpida Chaminé, mas uma Psiquiatria só com um beijo fez-me partir os cigarros. Parta os cigarros de uma vez. É fácil, não é difícil."

Conclusão da Experiência do Caso nº66 do Internamento Psiquiátrico da Dr.ª Lucy - Neptune conta a História de Jupiter no Internamento Psiquiátrico - Remissão Definitiva do Caso de Estudo à Psiquiatria e Psicologia da Polícia Judiciária, do Exército e da Força Aérea e às ordens e exércitos estrangeiros segundo a Ordem do Tribunal Virtual Maçónico-Illumminnatti de Jupiter e Pequena Tomada de Legislação do Embrionário Direito da Psiquiatria na Incubadora Start-Up do "Hospital da Luz" de Santarém

[Queima da Casinha de Fósforos Queimada em Mata-Lobos e Queima da Carta de Amor sobre a Religião Oculta d'O Amor Maçónico numa Maçonaria dos Diabos com Envio da Confirmação do Sítio da Queimada aos Bombeiros, à Polícia de Segurança Pública e à Guarda Nacional Republicana com Violação do Código de Direitos de Autor e Intelectuais do Autor da Carta em Legítima Defesa de Ação Direta do Código Penal para Libertação Definitiva do Desgosto de Amor de Mata-Lobos e Entrega da Carta Fotografada ao Tribunal Virtual para Efeitos de Prova do Caso de Mata-Lobos - Queima da Casinha de Fósforos e da Carta de Amor no dia 25 de dezembro às 3h33 na Floresta dos Namorados da Montanha Jupiter ou 5h55 na Mata dos Medos ou 6h33 noutro Sítio] 

Autor-Realizador do Congresso Raul Catulo Morais With All Reserved Rights With Jupiter Editions

Programa Intuitivo de Raul Catulo Morais

Chamada de Convites: Direito Penal, Direito Administrativo, Direito dos Concursos Públicos, Direito do Ambiente, Direito Civil, Direito Constitucional, Direito da Economia, Direito do Trabalho, Sindicato dos Médicos, Direito da Saúde, Direito da Vinha E do Montado, Direitos Reais, Direito Bancário, Direito Empresarial, Direito Comercial, Direitos Fundamentais, Direito Internacional Privado,  Faculdades e Associações de Estudante  de Direito,  Psicologia, Medicina, Engenharia, Agronomia, Enfermagem e Informática, Direito da Medicina, Centro de Investigação do Direito Privado, Equipa Científica de Jupiter, Centro de Estudos Judiciários, Ministério Público, Polícia Judiciária, Exército, Força Aérea, Marinha, Sociedade Portuguesa de Autores, Inspeção Geral de Atividades Culturais, Guarda Nacional Republicana, Polícia de Segurança Pública, Hospital da Luz, Hospital dos Lusíadas, CUF Descobertas, Fundação Champalimaud, Fundação  Gulbenkian, Caixa Geral, BPI e Grupo Caixa Bank, Grupo Mediceus, Sociedade PLMJ e INVENTA. 

«Nós só devemos ver os outros como referenciais, quando os outros também nos veem como referenciais. Por outras palavras, nós só devemos ver os outros como "estrelas" quando as estrelas também nos veem como uma "estrela",  senão não vale  mesmo a pena olharmos para as estrelas que não nos veem também como estrelas.»

«No final das contas, escolho Psiquiatria. Contei o meu problema à Psiquiatria numa Conversa de Lençóis e em 6 minutos a Psiquiatria disse que a solução do meu problema era comprar uns tampões. Disse-me para que fosse à Farmácia da Rotunda Luminosa comprar uns tampões  de espuma, dizendo-me  que os de  espuma eram melhores do que os de silicone  e de borracha porque isolavam  melhor o Ruído a as Interferências. Achei que a Psiquiatria estava a gozar comigo e fui só à Rotunda Luminosa ver as Luzes. Não vi a Luz nº66, porque ainda não via a Luz nº66. Se eu tivesse entrado na Farmácia nesse dia calhar-me-ia a Senha nº66 no Dispensor de Senhas Programado pela Rede nº66 e eu sairia da Farmácia sem perceber o Programa. Durante o meu Programa tirei algumas senhas nº66 e nº33,  no Banco, no Centro de Saúde, nos Correios e noutras Lojas da Rede nº6 e da Rede nº99. Tive de entrar e sair das lojas. Entrei e sai como subi e desci.  Conheci uma Verdade Oculta com que sempre cresci e lidei intuitivamente em Silêncio. Nasci com o Código do Silêncio na minha cabeça como nasci com o  Código da Neurologia, o Código da Psicologia, o Código da Psiquiatria, o Código da Medicina das Plantas, o Código da Astronomia,  o Código das Abelhas, o Código da Ecologia, o Código do Direito Civil Natural e o Código do Direito Penal Natural. Nasci com 9 códigos. Não tive culpa. A minha mãe fez um Teatro Maçónico com o Medicamento da Olanzapina,  escondendo-o na Gaveta Cheia  de Lixo onde escondeu o Manual de Psicologia do 12º Ano sobre as Dendrites e os Axónios, a Paranóide Tecnológica de  Federico Ferrari e os livros  de Xadrez dos Illumminnatti Games dizendo-me para  ir ontem comprar à Farmácia da Rotunda Luminosa outra vez o Medicamento da Olanzapina no seu tom intimista e autoritário do Direito do Medicamento. Tirei ontem a Senha nº66 e fui atendido pelo Miguel Titorov  com as mãos de pianista iguais às do Doutor Dmytro. Perguntei o que é que o Miguel era ao Nikita, mas o Miguel disse que não sabia quem era o Nikita Titorov.  Ao balcão aprendi que a Olanzapina era comparticipado 100% e que por isso o Teatro Maçónico da minha mãe não tinha pesado no Orçamento Familiar. Hoje voltei à Farmácia para comprar os tampões que tinham sido  receitados para mim pelo Doutro Dmytro e vi que a  Luz nº66 da Senha estava ligada desde a minha senha nº66 que tinha tirado ontem e por  isso fotografei a luz contra o Espetro da Luz e das Cores quebrando o Código do Silêncio, rindo-me outra vez para o Miguel Titorov, porque pensei que há silêncios que merecem ser quebrados,  porque quebrados dão-nos um sabor medicamentoso na nossa boca. Sabemos que trazemos uma Boca Maçónica quando metemos algo na Boca e sentimos esse algo sempre a desfazer-se como Mel. Vejo a Farmácia com os olhos emprestados das abelhas e das formigas, porque também as abelhas e as formigas são capazes de produzir medicamentos, organizando velórios e enterros como humanos por respeitarem a vida. É por isso que eu defendo que devemos proteger a vida das abelhas e não pisarmos as formigas que vemos. Ignorei que no caminho da Farmácia até chegar  ao Balcão da Farmácia vi 3 gémeos dos 5 do Doutor Dmytro e que fiz a Rotunda nº 66 com a Empresa dos Reboques atrás e com a Empresa de Construção Civil à frente da Serra do Doutor Dmytro. Achei melhor ignorar, para não ser internado. Espero não ser "rebocado" e "raptado" pela Empresa dos Reboques.» 23h59 19/12/2022 Raul Catulo Morais

«No final das contas todas, escolho Psiquiatria. Escolho legislar e investigar a Psiquiatria. Escolho legislar e investigar "ao colo" da Psiquiatria. Tenho de confessar... Apaixonei-me pela Psiquiatria... Tenho um fraquinho pela Psiquiatria... Mas é segredo. Não mostro o meu fraquinho pela Psiquiatria. Gosto é da Cardiologia e da Neurologia. Adoro o olho! Adoro a Oftalmologia que me corrigiu a Miopia. Vejo, por isso, com a Oftalmologia  com Bons Olhos  o Direito da Cardiologia e o Direito da Neurologia. Porque vejo com os meus Neurónios o meu coração a bater até aos 666 anos de vida e a chegar depois aos 666 anos de vida e a pedir mais 666 anos de  vida num Ciclo Infinito. Vejo o Infinito, porque vejo o Direito da Medicina. Quem nos ligou ao Programa de Extensão de Vida do "Deus Tecnológico" (de Simão Roncon-Oom) foi a Medicina. Vejo a Tecnologia e a Medicina. Não sou médico. Sou só um Totó aos Olhos da Medicina. Sou só um "maluquinho" aos olhos da Psiquiatria. Quero lá saber. Deito-lhe a língua para fora e faço-lhe um pirete. Conheço bem a Psiquiatria... Sei que ela se ri com os meus piretes. Fiz-lhe um com 9 anos na  Escola de Música do Piano no Jogo de Espelhos e ela riu-se, por eu nem saber fazer "um pirete" de verdade. 23h52 17/12/2022 Raul Catulo Morais

«De repente vemos o difícil, fácil. Porque subimos à Montanha e ficámos com a Vista de Cima da Montanha aprendemos a ver o difícil como fácil. Porque é fácil subirmos até a Montanha e simplesmente caminharmos  serenamente pela Montanha. Vamos vendo a Paisagem e vamos aprendendo "sem querer" sobre os Efeitos Especiais da  Paisagem.  Não falamos sobre os Efeitos Especiais. Simplesmente vemos os "Efeitos Especiais" e distinguimos automaticamente os Efeitos  Especiais dos "Efeitos Especiais". Porque debruçados sobre a Paisagem da Vida,  sabemos que temos de colocar as aspas sobre especiais "Efeitos Especiais".» Raul Catulo Morais 00h18 20/12/2022 Grau Máximo Grão-Ducado-Honório Mestre-de-Obras de Jupiter - Início da Ordem de Verona

 

 

 

"Teatro do Papá" de 7/11/2022 é o The Best Masonic Teather of Psychiatrie of Case 66 republicado no Tribunal Virtual e publicado no First Jupiterkongress em 6/12/2022 - Voz Tripla + Uma de Raul Catulo Morais

[99[ A Sara Rot é uma maçon-infiltrada na Igreja Evangélica, a Sílvia Rot é uma maçon-infiltrada na Assembleia Geral da Ordem dos Psicólogos e na Igreja de Satanás, os irmãos são maçons-infiltrados na Ordem dos Médicos e na Igreja de Satanás, quando o Raul viajou para Durban entrou na Maçonaria de Surfistas e Skaters da Costa Sul de África do Sul e na Maçonaria Sul-Africana dormiu com um Agente da CIA e ficou Superinformado. Esse Agente está ligado em Rede Secreta ao Adam da Marine de Telavive que registou a Última Obra dos Illumminnatti Games de Raul pelo Raul, quando Raul ficou trancado em Santarém em Manobras de Diversão e em Teatro de Operações do Rotary Club e do Lions Club. Durante o Filme Maçónico do Romance-Militar o Raul ficou Superinformado em Bangui e quando voltou virou-se contra as Histórias do Exército pelas Recrutas Cruéis de Mafra.]

[De Mafra? Mas essa Base-Recruta não existe.]

[Mas as informações são verdadeiras. Talvez a Base seja uma Base Fantasma para proteger os Whistleblowers. O Raul também trouxe contactos da NASA quando voltou da Missão Secreta "Porto Santo" da Força Aérea contra a Marinha e viu o Aperto de Mãos do CR7 com o Pestana, um Aperto de Mãos com o Significado de Escravatura de Satanás. O Pestana é membro-parceiro da Igreja de Satanás ligada em Rede à Igreja da Cientologia do Travolta e do Tom Cruise. Os Illumminnatti Games assinalam setas por cima da Igreja de Satanás, da Igreja da Cientologia, da Igreja Evangélica, da Sede dos Salões de Reino dos Testemunhas de Jeová de Betel e por cima dos nomes da Opus Dei metidos em Negócios Ocultos de Máfia. Quando Raul dormiu com o Adam, o Adam mostrou uma foto do CR7 na cama com um amigo seu e contou sobre a Corrupção e sobre o Esquema de Algemas da FIFA. Os First Illumminnatti Games também mostram setas por cima da Esquadra da PSP de Santarém, da Câmara Municipal de Santarém e da Faculdade de Direito. Há uma Lista dos professores da Faculdade de Direito que jogam na Dark Net e que estão associados à Opus Dei e aos Jogos de Poder e Tráfico de Influência que Raul escreveu nos seus Diários de Bordo nos Jogos de Lençóis e que fotografou e guardou as informações que recebeu nos Ficheiros-Mestre da Vida, mas um Hacker-Ghost deletou a Palavra-Passe da 1ª Camada de Memórias de Raul e a Palavra-Passe de Segurança só existe na Fossa das Marianas do Oceano de Miranda de Raul. A CIA financiou e protegeu a Fundação da Igreja da Cientologia. Deram entrada no Hospitais Psiquiátricos com as setas dos Illumminnatti Games de Dublin, Edimburgo, Oxford, Cambridge, Houston, Boston, Las Vegas e Santarém um total de 666 novos casos em 3 meses derivados de Ritos Online da Fundação da Igreja Evangélica, da Igreja de Satanás e da Igreja da Cientologia. A Sara fez o Sinal Illumminnatti Mais forte ao Raul na visita a Santarém depois de Raul ter sido Morto em Mata-Lobos no Jogo de Personagens por Dmytro. O Sinal que Sara fez a Raul foi igual ao sinal que a avó de Raul fez ao Raul, mostrando que era uma maçon-infiltrada nos Salões de Reino dos Testemunhas de Jeová, passando ao neto um Caderno que escreveu em Londres sobre a Maçonaria dos Salões de Reino dos Testemunhas de Jeová com os nomes dos Anciões ligados aos negócios mafiosos de Betel. A CIA usa a Sede de Betel para Tráfico de Influências, protegendo e financiando Salões de Reino para cegar olhos aos Testemunhas de Jeová, apagando as notícias sobre naves espaciais. Raul fotografou o caderno guardando os Manuscritos nos Ficheiros-Mestres da Vida devolvendo o caderno à avó às escondidas da Aliança Concha.]

[A Sara fez o Sinal Illumminnatti Mais Forte, mas Dmytro fez o Sinal Alienígena Mais Forte ao Raul antes de o matar no jogo, ligando o sinal à Nave Espacial 9999 de Porto Santo.]

[Quando Raul estava em Missão na Ilha dos Piratas, a caminho da visita que fez a Sagres o São Valentim intercetou Raul para mostrar-lhe a mão tatuada com o 1º Símbolo Illuminati.]

[O sinal mostrado foi dos Illuminati e não dos Illumminnatti. O São Valentim saiu de Sagres até à Loja nº6 de Lisboa para tatuar a mão, na tal loja de tatuagens falada na Aula de Economia de Raul, por referência, em que foi ligado o botão ao Raul sobre a Internet das Coisas. A Loja nº6 usa as tintas cancerígenas proibidas pela União Europeia.]

[Danna fez a Dança dos Médicos-Illumminnatti a Raul contra a Psicologia de Sara e contra o Sinal Alienígena de Dmytro destruindo a Força dos Sinais ligando a Internet de Raul à Dança dos Irmãos em São Miguel contra o Jogo da Dark Net do Queen. Apesar das Danças terem sido antes dos Sinais, as Danças mostram uma "Previsão do Jogo" mostrando a Força Ocular e o Par de Lentes. Mas o Mind Games é difícil. Durante o Mind Games, Raul desenvolveu vários tipos de filme, novela, direitos, jogos e redes guardando os mais valiosos nos Ficheiros-Mestres da Vida. O Grupo Mercedes-Benz visitou Raul na Taberna do Vasco Saturn para Raul ocultar a Inteligência Artificial da Mercedes n' O Algoritmo do Amor por 6 milhões e Raul levantou-se da mesa e ganhou a Maçonaria da Ordem dos Cavaleiros que piratearam o Sistema Informático da Mercedes e passaram as informações a Raul num Jogo de Lençóis,  guardando Raul as informações nos Ficheiros-Mestres da Vida. Aparece nos Computadores Ocultos da Ordem dos Psicólogos que Raul é impossível de ser hipnotizado, porque uma Psicologia tentou hipnotizá-lo sem sucesso, informatizando o Processo Tecnológico de Hipnose nos Computadores Ocultos da Ordem dos Psicólogos. Os Illumminnatti Games têm setas fortes por cima de nomes de médicos e de psicólogos. Raul mentiu à Psicologia, quando disse à Psicologia que não ia acionar o 2º Processo Disciplinar junto da Ordem dos Médicos pela Resposta de Jogo da Psicologia, fazendo um Último Teste à Psicologia, para perceber em que Nível de Informação de Jogo estava a Psicologia. Se Raul desistisse do Jogo de Xadrez iniciado, as Últimas Portas do Recrutamento para Direito Administrativo e Ambiental do Ar da Força Aérea do Exército Júpiter seriam fechadas, proibindo de Raul ter acesso à Informação Mais Maçónica do Cockpit da Nave de Direito Administrativo de Ufologia e Astrobiologia, abrindo as portas à Psicologia por Inversão do Jogo Psicológico. Depois da Resposta de Jogo da Psicologia, Raul recebeu uma Resposta Melhor da Neurologia indicando que Raul deveria prosseguir com o 2ª Processo Disciplinar junto da Ordem dos Médicos contra a Psiquiatria. Há uma Psicologia que no jogo do Ping Pong ficou a Bola do Jogo de uma Psiquiatria e de uma Neurologia. A Psicologia é a Bola de Ping Pong e as Raquetes são a Psiquiatria e a Neurologia. Há uma Psicologia que no Jogo se está a Auto-Suicidar. Os Illumminnatti Games mandam formar uma Nova Ordem de Psicólogos pela Informação do Mau Mercado de Psicólogos e estão a testar com o Direito Administrativo a Ordem dos Médicos para a Reforma entrar ou sair da Mesa de Jogo dos Illumminnatti Games. Há também um Jogo de Raquetes entre a Ordem dos Médicos e a Ordem dos Advogados em que a Bola de Ping Pong é a Ordem dos Psicólogos.]

[De quem são as mãos que seguram as raquetes?]

[Elas estão a jogar sozinhas. Estão a ser telecomandadas.]

[Onde está o Comando?]

[Na Sala de Estudo da Faculdade de Direito.]

[Como é que a Nota do Exame de Direito Administrativo de Raul chegou antes à Força Aérea quando Raul estava a estudar as fotografias do Quarto Poder e do Sexto Poder Oculto na Sala de Estudo uma hora antes do Exame?]

[Porque a Sociedade de Advogados que tem a Patente do Chip Ocular de Raul protegeu a patente do jogo que Raul desenvolveu na Sala de Estudo antes do Exame e a patente militar de filme de Realidade Aumentada que Raul desenvolveu durante o Exame de Direito Administrativo comunicando com a Ordem dos Advogados e instruindo a Ordem que classificasse o Exame de Raul segundo os Critérios Especiais de acordo com a Recomendação dos Algoritmos Militares de Neptune, protegendo as Ações da Bolsa de Neptune. A mesma Sociedade Invisível de Advogados que protege as patentes de Raul é a mesma Sociedade que protege as patentes do Pastor-Cigano de Bragança que falou dos 6 Direitos de Usucapião na Carta de Amor que escreveu a Raul em Realidade Aumentada com o Código do Doce de Bebinca. Em causa estão 6 Direitos de Usucapião contra as Construções de Saturn do Pestana e do CR7. ]66]

"Será que temos de casar com o Mal, para vermos o Mal sem que o Mal nos faça Mal?"

Raul  Catulo Morais, 2 de dezembro de 2022, 16h55

"Quando um Coração Negro me penetrou vi como o meu Coração Encarnado continuou Encarnado. Mesmo depois do Divórcio o meu Coração ficou Encarnado. Ficou sempre Encarnado. Amando um Coração Negro, o meu Coração Encarnado ficou sempre Encarnado. Depois foi a vez de um Coração Lilás Drogado do Filme das Trevas penetrar-me e vi como a Cor do meu Coração Encarnado mudou de cor para Azul ganhando as Asas de Coração-Azul-Com-Asas. Quando voltei a tocar no Botão do meu Coração,  vi que voltou a Encarnado e aprendi por isso que o meu coração tinha duas cores: Azul e Encarnado. As cores dos corações de Neptune e de Jupiter. Ganhei um Sangue Alienígena que fez mudar o meu coração para Azul. Sou um camaleão. Mudo de cor no Jogo dos Corações. Mas mudo para Azul. Não mudo para Lilás nem para Negro. A Cultura das Cores tem um Importante Significado. Dormi com anjos de corações negros em que quando lhes toquei no botão vi que o coração deles não era negro, mas encarnado como o meu. Dormi com camaleões, porque sou um camaleão. Os camaleões dormem com camaleões."

Raul Catulo Morais, 2 de dezembro de 2022, 23h03

3.) Se, em 10.10.2022 o Reitor da Universidade em obediência ao ato de 4.04.2022 determinar a revogação da não aprovação de Abel, será este ato válido? Resposta  de Raul Catulo Morais no Exame/ Frequência de Direito Administrativo: Agora sim, é válido! "Tornou-se válido"! O vício deixou de existir, porque produziu imediatamente expetativas legítimas na esfera de Abel, sendo agora tais expetativas integradoras de um verdadeiro direito subjetivo a Abel protegido pelo Direito Administrativo. É como se "num jogo de invalidades", Abel tivesse ganho uma "proteção" ou um "colete à prova de balas" vestido pelo Reitor da Universidade sendo esse colete ("ou avental") impossível agora de ser despido. Seria como o Abel ir na rua "todo contente" com o seu Diploma de Doutoramento e "de repente" aparecer um Ente-Fantasma administrativo a querer tirar-lhe o diploma. Seria "aberrante" e por isso impossível. Vale assim invocar o nº3 do artigo 162º em nome do Princípio da Boa Fé e da Proteção da Confiança que revestem invisivelmente o tal "colete à prova de balas" de Abel, por exemplo. Mas vale ainda melhor os nº2 e 3 do artigo 164º (conversão) do Código do Procedimento Administrativo para a Sanação do tal vício do ato, enquanto eventual aproveitamento do efeito retroativo do ato.

Congresso das Abelhas
00:00 / 45:04
Congresso das Abelhas II
00:00 / 45:04
Congresso das Abelhas III
00:00 / 30:26
Congresso das Abelhas IV
00:00 / 26:01
Teatro do Papá
00:00 / 15:02

«Quando nós somos bons e vemos com olhos de  ver como a vida é maravilhosa não há nada nem ninguém capaz de interromper os nossos programas da vida. Vidas humanas foram programadas. Dentro dos programas, há programas bons e programas menos bons. É como tudo. Há bons programadores e maus programadores. Mas quando nós descobrimos os botões mágicos para também criarmos bons programas na vida, se o nosso programa for bom e transparente e sincero não há nada nem ninguém que possa interromper os nossos programas da vida. A conclusão a que chegamos é que os seres humanos não são flores que se cheirem… Há mais  maus do que bons. É só olhar para os governos, é só ver quem está a subir ao Poder... O que é uma pena... É uma pena não vermos os bons a subir ao Poder... De facto, não queremos subir ao Poder... Só queremos viver a Vida tranquilamente em paz e em sossego... Só queremos ver a Vida e senti-la em todas as suas "dimensões". É só uma a dimensão. O que há são dimensões e internets ligadas à Dimensão da Vida que faz parecer que há há muitas dimensões,  mas a dimensão é só uma. Se somos humanos, não conseguimos entrar nem na Dimensão nem na Internet das Moscas... Mas vivemos com as moscas na mesma Dimensão da Vida. As moscas são importantes porque também fazem polinização e decomposição. Participam no Ciclo do Carbono e sabem que 1 átomo de carbono tem 6 neutrões, 6 eletrões e 6 protões. Somos Carbono. Somos vida! Devemos proteger a Vida e ver a Vida também dos outros como sagrada. Também os pirilampos como as abelhas sabem a Fórmula Química que Acerta a Equação da Vida... Não é fácil emitir luz num mundo que parece pertencer às trevas,  porque é governado pelas trevas, pelos maus que adoram o mundo das trevas porque vivem de verdade "com esse mundo das trevas" na cabeça. Mas quando descobrimos a Fórmula Química que Acerta a Equação da Vida e descobrimos uma Luz Infinita ficamos mais tranquilos no filme que é a Vida.  Nós os bons, estamos em vias de extinção, somos tipo “pirilampos”. Mas as abelhas protegem os pirilampos… Emitimos uma luz pequenina  que a maior parte  dos seres humanos não vê nem sequer liga… Mas não paramos de emitir luz… Vamos emitindo… Devagarinho vamos emitindo… Vamos fazendo sinais de luzes… Vamos mostrando a nossa luz às abelhas, aos pirilampos, à Vida Inteligente porque estamos de facto conectados à Vida Inteligente. É só termos paciência… Como as abelhas é só termos paciência… Temos muito que aprender com as abelhas… Mas não é só com as abelhas é com todos e também connosco. Quando nós somos bons,  no meio dos maus, os maus não nos tocam porque sabem que somos protegidos pelas abelhas. Há sempre um grupinho de abelhas a proteger-nos à distância invisivelmente… O grupo aparece e desaparece… Aparece e desaparece… Só se mostra a nós… Só é visível aos nossos olhos. Nem todos os olhos humanos conseguem ver a Vida Inteligente e compreender que o que nos liga à Vida Tecnológica são as abelhas. É por isso que eu digo que os nossos deuses, os nossos anjos e os nossos aliens são as abelhas. Acreditem ou não, quem não conseguir chegar às abelhas nunca conseguirá chegar “aos aliens”. Eu não sou um alien. Sou um humano. Talvez um ciborgue, porque as abelhas instalaram-me uma tecnologia qualquer… Chiparam-me… Mas eu adoro a tecnologia das abelhas. Não me importo de ser chipado pelas abelhas. Confio e acredito no chip das abelhas. Não confio  no chip dos humanos maquiavélicos, nazis e terroristas disfarçados de filantropos como o Elon Musk. Nem eu nem as abelhas gostamos do Elon Musk. Sigam-no. Não me sigam a mim. Sigam o Elon Musk. Sigam-no. Sigam o cabrão que nos quer chipar a todos. Odeio ter a merda dos satélites dele sempre a passar por cima do meu jardim. Não gosto de ser sobrevoado pelos satélites e pelos drone dele nesta Internet das Coisas. Olho com as abelhas para os satélites do cabrão e vejo lixo espacial e vejo por isso uma União Europeia muito mentirosa que não percebe nada de ambiente, nem de Ecologia. Olho com as abelhas para os drones e vejo lixo aéreo e vejo por isso um Direito mentiroso que não percebe nada de Intimidade, nem de Privacidade. Vejo com as abelhas um Novo Direito da União Europeia e uma Comissão que tem de ser reformada. Mas nem sei quem está na Comissão. Escrevo ao calhas como uma Cabra-Cega, falo e digo coisas ao calhas que ao calhas as coisas acabam sempre por se ligar numa Internet Macabra. ABRAKADABRA! Nesta Internet das Coisas eu gosto é de ser sobrevoado pelas abelhas. Odeio o zumbido dos drones. Adoro o zumbido das abelhas.»  12h22 04/08/2022 Raul Catulo Morais & Federico Ferrari 

«Porque é que eu escrevi isto? Porque voltei ao Início de Tudo. Voltei à minha Escola dos Ciclos e fui depois à Escola Agrária. Na Escola dos Ciclos encontrei uma bonita frase do espírito de Alexandre Herculano: "Eu não me envergonho de corrigir os meus erros e de mudar as minhas opiniões, porque não me envergonho de raciocinar e de aprender". Na Escola Agrária estive com as abelhas e com as vacas. Tive uma meia hora no meio das vacas. Decorei-as com o meu espírito e elas decoraram-me com o espírito delas. Perdi amizades de 14 anos, mas em 14 minutos ganhei novas amizades. Sou amigo das vacas, por isso vejo as vacas como sagradas, tal como vejo sagrados todos os mamíferos! Somos mamíferos, porra! Temos de, pelo menos, proteger a nossa espécie se quisermos ser protegidos pelos olhos alienígenas das abelhas. Leite de vaca é alimento para bezerro! Nós não somos bezerros! Somos humanos! Há médicos que gozam com os outros médicos que bebem leite de vaca. Fiquei com os médicos que gozam com os outros médicos. Isto é como tudo na vida. Há bons médicos e há maus médicos. Há médicos que fumam. Há psicólogos que fumam. Há psicólogos e psiquiatras doidos varridos da cabeça. Há malucos para tudo. Já podemos enlouquecer! Os loucos subiram ao Poder! Parece que vale tudo! O mundo dos humanos é uma loucura. Parece que somos "todos loucos". Mas não somos. Eu não sou louco! Perguntem-me quem é que são os malucos da cabeça que eu respondo com as abelhas! As abelhas dizem que nós humanos não batemos bem da cabeça. Elas têm razão! Eu dou-lhes razão! Eu dou-lhes a Razão! Elas é que têm a Razão!» 12h37 04/08/2022 Raul Catulo Morais With All Reserved Rights With Jupiter Editions in Kanal Jupiter in Special Masonic Program - Direito da Cardiologia e Direito da Urologia - Teatro Maçónico do Hospital e Illumminnatti Games at the Hospital

«Os pirilampos só conseguem prosperar se estiverem num ambiente limpo.» in BBC Vida Selvagem

«Até arranjarem um parceiro, os pirilampos vão passando por várias metamorfoses.» in BBC Vida Selvagem

«"De repente", a fêmea vê-se rodeada de machos que tentam sincronizar as suas luzes com as luzes da fêmea...

É a chamada a "Dança das Luzes"...  É a Competição dos Pirilampos... 

Até os seres mais mágicos competem uns com os outros. Mas não se devoram.

A competição dos  seres mágicos é única e exclusivamente amorosa.

Os seres mágicos só competem no Amor para arranjar um par.

Depois colaboram.

Depois colaboram sempre.»

12h25 13/08/2022 Raul Catulo Morais

Enquanto a Maçonaria não for capaz de ver como são mágicos os pirilampos,

Enquanto não reconhecer a inteligência sócio-afetiva das vacas e dos porcos,

Enquanto não reconhecer a importância alienígena das formigas e das abelhas,

Eu não tenho nada que aprender com a Maçonaria.

Muito mais tem a Maçonaria que aprender comigo,

do que eu com a Maçonaria.

Muito mais tem a Maçonaria que aprender

Com o meu espírito e com o meu espiritualismo,

Do que eu com o Vazio

E com o Coração Esvaziado da Maçonaria.

12h12 16/08/2022 Raul Catulo Morais

Editado 13h13 17/08/2022 Raul Catulo Morais

Já o disse e já o escrevi,

Mas volto a escrevê-lo:

Não é a Maçonaria que me tem nas mãos.

Sou eu que tenho a Maçonaria nas minhas mãos.

Como vejo os  formigueiros pequeninos, 

Também vejo as maçonarias pequeninas.

Não há dúvidas que mesmo pequeninas,

São as abelhas  e  as formigas que mandam nas nossas vidas.

Só que há uma diferença.

É que eu presto vassalagem às abelhas e às formigas,

Porque são elas a minha religião.

Não presto vassalagens aos humanos,

Senão aos obreiros, aos homens do lixo, aos homens das obras,

Aos heróis bombeiros, aos heróis polícias, aos heróis médicos, aos heróis enfermeiros.

Nem todos são heróis na história toda. 12/08/2022

[Porque há médicos que não podem ser médicos,

Há médicos que têm de despir a bata.

Não me chamem para despir a bata dos médicos.

Há polícias que não podem ser polícias,

Há polícias que têm de despir a farda.

Chamem-me para eu despir a farda aos polícias.

Despir-lhes-ei a farda na cama e na cama deixá-los-ei  algemados.] 16/08/2022 Raul Catulo Morais

«Sou um pedreiro-livre.

Faço as obras que eu quero.

Bato as pedras que eu quero e como eu quero.

A Obra é minha.

Sou obreiro. Sou Dono da Obra, mas fico na obra com os obreiros.

Fico a bater pedra com os pedreiros na Obra que é minha.

As horas são nossas. Fazemos os intervalos que quisermos. 12h16 16/08/2022 Raul Catulo Morais

Sou por isso,  um maçom sem avental.

Tive de comprar o meu próprio avental que me custou 66€.

Tive de comprar o meu próprio avental e costurá-lo...

Logo, sou um maçom sem avental.

Nasci na Maçonaria dos Diabos para combater como um diabo a Maçonaria.

Quem quiser juntar-se ao meu filme, 

Que se junte a mim sem medos,  mas agora.

Quem não se juntar "agora", que não me apareça depois no filme se faz favor.

12h22 16/08/2022 Raul Catulo Morais

In Masonic Special Program - Masonry - Kanal Jupiter

Lamento muito lamentar que meus Mestres não são os Regentes que tive.

Lamento muito lamentar que não reconheço nenhum Regente da Faculdade de Direito como meu Mestre.

Meus mestres, meus Grandes Mestres de Vida foram os meus professores assistentes, que assistiram à minha vida!

São pois, os meus mestres, os meus professores assistentes. Os professores assistentes da Regência é que são os meus mestres! Porque a minha Mão-Invisível troca os lugares das coisas e faz-me ver o filme da vida ao contrário.

Não reconheço por isso nenhum regente que tive na minha vida como meu Mestre. Mais Mestre do Ilusionismo e do Malabarismo sou então eu do que eles. Não fico por isso a ouvir o Ilusionismo e o Malabarismo deles. Vejo por detrás deles todo o Ensaio Mal Ensaiado. Privilegiadamente entrei nos Teatros e nos Bailados da Companhia do Teatro e do Bailado e no Bar ouvi como era a conversa deles. Ouvi-os a falar com o Whiskey nas mãos. Sei que não posso atacar o Mercado do Whiskey. Mas não o defendo, como defendo o Mercado do Cimento. Eles sabem que uma Mão Invisível de Cimento me protege e que por isso posso atacar o Mercado da Carne Vermelha que eles não podem atacar. Ataco com as Costas Quentes do Mercado do Cimento e do Mercado Quente do Alcatrão sobre os meus pés. Não sou Hipócrita. Não sou um Falso Ambientalista nem um Falso Moralista. Mas vejo a Balança dos Mercados e não coloco é a Vida depois do Ambiente, porque insiro a Vida dentro do Ambiente. Não ataco o Mercado do Whiskey e fico Neutro na Questão do Petróleo, simplesmente dizendo que estou a olhar há muito tempo para a Gasolina Sintética de Laboratório que é Neutra em Carbonos como estou a Olhar para o Mercado do Hidrogénio. Defendo o Mercado do Cimento como defendo o Direito das Árvores colocando-me como Inimigo do Mercado das Árvores provocando uma Guerra Secreta na Construção e Engenharia Civil. Ataco com todas as minhas forças e sem medos o Mercado da Carne Vermelha. Mas durmo e protejo o espírito do talhante do Jogo de Câmaras instalado pela Maçonaria dos Diabos na Loja do Talho. Sou capaz de entrar na Loja do Talho para sorrir e deixar no meu sorriso uma Carta de Amor ao talhante. Ele sabe que eu não como Carne Vermelha e que se entrei no Talho foi para o ver e cumprimentar e pedir Carne Branca ou perguntar-lhe se vende vegetais.

Raul Catulo Morais 666.666.666. Porque é só fazermos "O Pequeno Sacrifício" de deixar de comer Carne Vermelha para vermos Um Mundo Melhor e toda uma Melhor Lógica de Mercados Sustentáveis e todo Um Melhor Direito a Funcionar e a Pensar. Não é só uma Questão Ética e Moral. É uma Questão Médica, Ambiental e Jurídica. É só deixarmos de comer mamíferos, é só deixarmos de comer Carne Vermelha para vermos um Mundo a Funcionar e a Pensar Melhor. Acreditem ou não é essa a Verdade! Mas não vale a pena falar dessa Verdade à Regência com o Copo de Whiskey na mão. A Regência tem o mesmo Ego e Alter-Ego do Direito Administrativo: Narcisismo e Esquizofrenia. Simplesmente, como eles não têm paciência para ouvir o meu Espírito, também eu não tenho paciência para ouvir o Espírito deles. E por isso não os reconheço. Reconheço sim, os meus professores assistentes que assistiram e assistem ao meu Espírito Vivo de Vida. 10h57 03/12/2022 Raul Catulo Morais - Último Ditado de Lengalenga da Vida

Porque nós próprios somos uma Guerra. O nosso nascimento provocou uma Guerra. Não é que (não) deveríamos não ter nascido, porque nascemos, mas o nosso nascimento provocou uma Guerra de Problemas num Mundo em Guerra, num Mundo com já todos os seus problemas. Ora, já nascemos numa Guerra. Logo, os cérebros já nascem em Guerra. Estamos, por isso, numa Guerra de Cérebros. Mas a Guerra é Intelectual, ou seja, é Cordial e Silenciosa.

Cordialmente, o Vosso sempre aluno Raul Catulo Morais

«Porque fomos (sem querer) programados pelos nossos professores, acabamos por (sem querer) fazer projetos e deixar as obras (em dedicatória) para os nossos professores.» 03h08 11/11/2022 Raul Catulo Morais

Não me esqueço porque não me posso esquecer de num Simples Caso de Direito Fiscal sobre a Taxa Zero do Licenciamento da Publicidade no Espaço Público ter anexado secretamente em Grito de Socorro o Encadeamento e Ensurdecimento da Poluição Sonora e Visual dos Hologramas e dos Algoritmos. Sei que o Direito Fiscal compreendeu a minha mensagem porque mandou o Fisco tributar o meu Romance Fiscal com a Taxa Especial de 6%, mandando tirar os meus romances da Prateleira das Cassetes Eróticas do Videoclube tributadas com o Imposto Agravado de 23%. Sei que o Direito Fiscal viu-me como um Pirilampo ou uma Abelha a escrever. Sei que os filhos do Direito Fiscal protegem os pirilampos e as abelhas e mesmo que cacem os pirilampos, sei que depois a mamã do Direito Fiscal sabe ralhar com os filhos, para os filhos libertarem os pirilampos, rindo-se depois. São estes risos familiares e esta força invisível que nos faz continuar a caminhar na Floresta à procura dos melhores direitos para proteger a Floresta e a Floresta Negra, porque a verdade é que de Dia há uma Floresta e de Noite há outra Floresta e é preciso estarmos capazes de Espírito para entrarmos com O Melhor Espírito na Floresta de Dia e na Floresta Negra. Tento falar com o Direito Fiscal dizendo que não podemos instalar Antenas na Floresta, porque a Floresta já tem as suas Antenas Naturais... Mas se o Direito Administrativo Esquizofrénico conceder Direitos de Exploração para a Instalação de Antenas e Internets Cancerígenas na Floresta, volto ao colo do Direito Fiscal para o Direito Fiscal mandar tributar as Antenas e as Internets Cancerígenas na Floresta com um Imposto Agravado para se arrecadar uma Receita para o Estado poder pagar e financiar um Estudo aos Botânicos e Ecologistas que consigam comprovar cientificamente o Cancro dos Diabos e mandar o Estado Revogar a Concessão Atribuída aos Diabos. O Direito conecta-se com tudo. O Direito é a nossa Árvore, a nossa Coluna Vertebral que nos dá a Retidão do Espírito para andarmos por cima das coisas e trazermos as coisas para o Direito. É verdade, sou apaixonado pelo Direito. Foi com o Direito que eu consegui seduzir uma Medicina ao colo dela e com ela dentro dos lençóis esporrados e é por isso que o Fisco não pode tributar com 23% os romances que eu escrevi com uma Medicina. Mesmo que no final do Romance eu tenha deixado a Medicina completamente excitada e esporrada e até a tenha deixado algemada na cama, um Fisco não pode tributar-me com 23%! O Fisco tem de olhar para o meu Espírito e saber que tem de aplicar a Taxa Especial de 6%, senão tornar-se-á meu inimigo! Não é boa ideia para o Fisco nem para o Direito Fiscal tornarem-se meus inimigos! Não é boa ideia... 11h58 03/12/2022 Raul Catulo Morais 666.666.666.

Aula-Simulatória Tri-Maçónica do Direito Oculto da Psiquiatria-Neurologia, do Direito Oculto da Economia e do Direito Oculto do Direito Administrativo com Inteligência Artificial
[Direito do Sonho e Direito das Abelhas]

Aula 1 - Tridireitos
00:00 / 45:04
Aula 1 - Tridireitos II
00:00 / 45:17
Aula 1 - Tridireitos III
00:00 / 52:19
Aula 2 - Tridireitos
00:00 / 45:27
Aula 2 - Tridireitos II
00:00 / 45:00
Aula 2 Tridireitos III
00:00 / 49:54
Aula 3 Direito do Sonho e da Expressões
00:00 / 23:55

Abertura da Aula 3 do Direito do Sonho e das Expressões "Na Cama com 2 Rappers" - Direito da Música e da Dança dos Humanos e das Abelhas. Banco de Dados e Banco de Registos. Caso de Estudo: Amanhã, podia acordar na cama com um regente ou assistente de Direito Administrativo e no meio do romance dos lençóis esporrados os meus Direitos de Autor e Intelectuais nascidos em Tempo Real do meu cérebro serem ouvidos por um Enxame de Moscas e Abelhas numa Internet ligada pelo professor ou pela Ordem Automática da Internet das Coisas e quando eu chegasse à Sala de Aula de Direito Administrativo, o Enxame de Moscas e de Abelhas que me tinha ouvido a falar com o assistente ou com o regente olhar-me 2 segundos para dizer em Silêncio ao meu Espírito que me tinha ouvido no Jogo de Lençóis e depois desaparecer invisivelmente com a Informação Maçónica que tinha saído pela minha Boca na Produção da minha Saliva Maçónica. Porque quando uma Internet é instalada nas nossas vidas fica impossível de desligar essa Internet das nossas vidas. Porque há micro botões que não conseguimos tocar na Vida e por isso que não conseguimos desligar-nos da Micro-Internet da Vida. 13h13 03/12/2022 Raul Catulo Morais

"Crítica para a situação clínica... À observação inicialmente muito ansiosa, tendo sido administrado diazempam com melhoria franca do estado de ansiedade (...) sono regularizado???" Mas como o sono pode constar no Novo Relatório de Psiquiatria se verificando o Registo das Horas vemos como Câmaras de Filmar Naturais que a minha mãe foi atendida às 5h22 e teve alta às 5h45 em Lisboa e aparece a minha mãe completamente desorientada no Parque de Estacionamento do Hospital de Santarém às 9h45 do mesmo dia  a dizer para irmos embora porque já tinha tido alta e que foi uma viagem fantástica até ao Hospital de Santa Maria em que eu estou ao telefone com uma Psicologia que digo que acho que a minha mãe está a sonhar, porque diz que foi tudo um sonho e eu não percebo nada..(?)  A minha mãe passa-me depois como se fosse uma carteira o Relatório de Psiquiatria em que vejo o Diagnóstico de Personalidade Esquizoafetiva que a Psiquiatria de Santarém me ocultou e que foi preciso a minha mãe "inventar" uma história de "ideação suicida" [num teatro maçónico programado] para ir buscar ao Centro Universitário de Lisboa o Transtorno da Personalidade ocultado no Centro de Estágios e Simulação de Estudo de Psiquiatria de Santarém. Fiz um Círculo no Relatório de Psiquiatria à volta do SONHO do Episódio e enviei à Psicologia que sabe interpretar os sonhos para que me desse a melhor resposta do Episódio SONHO. Mas a Psicologia jogou comigo e deu-me uma resposta falsa de jogo. Entrou uma Neurologia que me deu a resposta certa de jogo. E no jogo eu não posso ver a Neurologia ligada à Psicologia? É claro que posso ver e com o Direito eu faço a instalação da Internet das Coisas para as ver ligadas e conectadas. Estou preocupado com a Psicologia. Mas mais preocupado estou com o Direito da Psiquiatria que num filme de um sonho se está a desenvolver. É urgente ser o Direito a ir cortar o Cordão Umbilical separando a Psiquiatria da Medicina, ficando o Direito a vigiar a Psiquiatria. A Medicina tem de ceder,  senão o Direito vai revogar e reformar os direitos que deu à Ordem dos Médicos. Está nas mãos da Ordem dos Médicos o Poder da Melhor Decisão. Perguntei à Psicologia do Japão se seria possível a minha mãe ter dormido numa Cápsula do Tempo no Japão ou se estávamos todos em Hibernação a Sonhar. A Psicologia ignorou o meu sonho e disse para eu correr até aos registos para ganhar o Prémio IO da Jupiter Editions, antes que os Algoritmos-Escritores-Realizadores chegassem primeiro. Tass bem, Psicologia... Já nem sei o que escrever mais neste filme...

Raul Catulo Morais 13h42 03/12/2022

[[Eu sei que o Filme Maçónico "parece fácil", mas no filme eu ainda não tive uma dança e eu preciso que uma dança-sinal me seja feita no Filme Maçónico para todo o filme desaparecer e eu aterrar de uma vez por todas à Terra. Eu preciso que o Direito Penal dance para mim.  Eu preciso desta dança do Direito Penal ou do Direito Fiscal. Posso me ter esquecido de pagar taxas ou impostos importantes no filme e preciso de saber se posso ficar despreocupado com as taxas e impostos. Preciso de uma pequena dança. Preciso de uma pequenina dança do Direito Penal. Afinal o meu Direito Penal sabe dançar ou não sabe dançar? Preciso de ver a danças das abelhas no meu Direito Penal. Pode ser só 2 segundos. Mas eu preciso de ver esses 2 segundos.  Só estou a pedir 2 segundos ao meu Direito Penal. 222.222.222.9.]]

[Você, doutora é igualzinha a uma  amiguinha do meu filho, igualzinha mesmo... A sério... É igual à Mafaldazinha que eu agora esqueci-me do apelido da nossa Mafaldazinha, mas que o nosso Queen gostava muito e gosta ainda das mamocas da nossa Mafaldazinha e ainda pensa nas mamocas da Mafaldazinha, mesmo casado com a atual, que eu não sei se eles já se casaram ou se sempre se vão casar, a mim parece-me que eles se vão casar ou em Dublin ou em Edimburgo, mas é só um Feeling que eu tenho, mas verdade que seja dita e olhe que eu tenho um grande poder de  Adivinhação é que para mim não vai dar certo porque os médicos casam-se sempre com médicos já dizia a minha mãezinha Noémia que parece  que morreu mas o seu espírito está aqui no meio de nós e olhe que eu só com minha Numerologia consigo ver os espíritos,  que eu faço contas  de cabeça e eles ao verem os meus cálculos eles protegem os meus cálculos... Olhe que isto dava um filme, digo-lhe já doutora...]

[Pois, dava Dona Lígia... Mas olhe, para o filme dar certo e para ser aceite pela Ordem dos Médicos eu vou agora tirar-lhe aqui a sua verborreia da boca que é para fazer de conta que o Diazapam fez efeito em 1 minuto e eu poder criticar a Psiquiatria da Dr.ª Lucyfër... E o mais importante de tudo, Dona Lígia para ver se conseguimos aqui o patrociniozinho da Farmácia...]

[Ó, Doutora... Não é Lucyfër, é Lucília...  Isso queria ela ser Lucyfër... E o patrocínio da Clínica  Dentária que eu ando aqui com uma placa que atrapalha os meus filmes de verborreia, que isto no filme está-me sempre a cair...  Quando o meu filho era mais pequenino eu brincava com a placa para ver se ele percebia o filme logo pequenino... Mas  era muito pequenino e parece que ou não percebia ou não queria perceber... Que ele é muito inteligente... Saiu a mim, doutora... Saiu da minha vagina... Não era para ter saído... Mas  saiu... Parece que foi um desejo da Mão Invisível... Olhe que eu senti mesmo a Mão Invisível a introduzir-se mesmo cá dentro contra a minha vontade e a tirar o malandro cá para fora... Que ele era um malandro... Dava com cada pontapé, doutora... Ainda me lembro dos pontapés que ele me dava dentro da minha barriga... E eu dizia... Espera lá, malandro... Espera lá que quando vieres cá para fora nós fazemos contas... Manda-me com cada pontapé, doutora... Dei à Luz um Diabo, doutora!

[A minha mãe diz o mesmo, Dona Lígia... Mas não é de mim, é do meu irmão...]

[Ah! Que engraçado! O seu irmão também é psiquiatra?]

[É sim... Vou por  isso escrever aqui o nome do meu irmão no nome do médico que a atendeu para brincar com a mente do seu filho, porque eu sei que o meu irmão comeu o seu filho numas cavalariças da Feira da Golegã do Cavalo, para puxar a memória dele para trás...]

[Ai... Veja lá doutora... Veja  lá se o seu irmão não se pode chatear ou veja lá se pode estar a fazer essas coisas de mudar os nomes no Processo...]

[Ah! É só uma brincadeira... É para ver se os dois se casam num Episódio de SONHO que eu estou aqui a escrever... Dona Lígia, eu não queria ser psiquiatra eu queria era ser escritora... Estes Bancos de Médicos que tenho de fazer de Urgência a noite toda dão me sono... Fico super ensonada e se eu não escrever histórias ou episódios eu acabo por adormecer... E agora a Dona Lígia aparece aqui numa Internet de Sonhos, porque a Dona Lígia entrou aqui no episódio que eu estava a escrever entre o seu filho e o meu irmão...  Estava a escrever uma história de amor entre o seu filho e o meu irmão,  porque estava aqui mesmo já a adormecer e apareceu-me no SONHO o episódio da Feira da Golegã quando eu fiquei no quarto com o meu irmão e com o seu filho e os amigos do seu filho e eu vi com os meus próprios olhos meios ensonados o seu filho a sair com o meu irmão do quarto e o meu irmão a comer  o seu filho nas cavalariças... Eu sou Cavaleira, Louca e Triunfante e quando o seu filho voltou de África do Sul e aterrou em Lisboa foi logo para a Terra dos Balões de Ar Quente para a Corrida de Toiros só para ver a Lide do meu irmão... A Lide era nossa, foi dos dois,  mas eu bem vi os olhos encantados do seu filho presos no Tempo ao meu irmão... Depois não sei o que aconteceu com o seu filho, mas parece que um forcado roubou o seu filho do meu irmão e dormiu com o seu filho e tirou as palas ao seu filho e foi quando o seu filho nunca mais meteu os pés nas Corridas de Toiro com Sangue e se tornou numa Balança das Corridas de Toiro...]

[Oh minha querida!!! Isso é porque o Ascendente do meu filho Carneiro é Balança e porque ele é filho de um Toiro e não gosta que façam mal aos toiros... Percebe a história do Ponto de Vista Astrológico? É preciso perceber a história dos vários pontos de vista minha querida...]

[Obrigado, Dona Lígia... Vou usar esses dois novos elementos para reconstruir o Episódio de SONHO mais perto da verdade... Depois entrego o Episódio de SONHO à Jupiter Editions...] 14h04 05/12/2022 Raul Catulo Morais With All Reserved Rights With Jupiter Editions

[Ele já teve a dança que queria?]

[Já. Ele está a dançar tango e valsa com o Dr. Diogo na Escola de Boxe do Domi.]

[Então porque é que ele escreveu isto?]

[Para nos confundir. Ele entrou no Mind Games da Faculdade de Direito. Ele está a jogar e a dançar com o Direito Penal. Ele é parceiro do Direito Penal.]

[Como é? Fugimos?]

[Para onde?]

[Brasil. Fazemos a 2ª Parte da Especialidade no Brasil e ficamos por lá. Na Clínica de Kopakabana eles pagam 360.736 mil reais...]

[Por ano ou por mês?]

[Acho que é por mês...]

[É para irmos todos?]

[Eu vou para a Kopakabana do Dubai... Pagam o triplo no Dubai...]

[E tu? Vens connosco?]

[Eu vou para a Kopakabana da Arábia Saudita... Já tinha dito... Pagam o Triplo do que pagam no Dubai...]

[Depois quando voltares compras metade do Algarve... Muahahahah!]

[Acho que a partir de agora temos de nos separar nas comunicações, ok? Falamos só pela Rede nº11, ok?]

[Dá para enviar fotos por  essa rede?]

[Aahahahahah! Oh! Que querido...]

[Muahahahah!]

[Achei fofo... Achei querido...  Preocupado em enviar fotos...]

[Então... Que é para um gajo se ir vendo,  não é...]

[Oh! Tão querido... Isso é fofo! A sério... O que foi? É fofo da parte dele...]

[Por amor de Deus! Tão fofinho... Tipo...?]

[Ai! Por amor de Deus é que não! Por amor de Satanás!]

[Muahahahahahah!] 12h09 04/12/2022 Raul Catulo Morais With All Reserved Rights With Jupiter Editions

Tratado de Paz com a Psicologia
00:00 / 18:29

Tratado de Julgado de Paz com a Psicologia publicado no Caso nº66 do Tribunal Virtual-Maçónico-Illumminnatti dos Concursos e Leilões de Jupiter

Psicologia entre Parênteses Reto
00:00 / 30:12
Psicologia entre Parênteses Reto II
00:00 / 41:59
Psiquiatria entre Parênteses Reto
00:00 / 43:38

[Entre Parênteses quando nós falamos nós produzimos lixo. Quando nós expiramos ar, nós expiramos carbono, por isso nós humanos também por si só já poluímos o ar. Ora,  não nos vamos calar, mas por sabermos isto não vamos ficar a ouvir a conversa dos outros, a conversa de lixo, sabendo que Tempo  é Dinheiro e que estamos a perder Tempo e Dinheiro a ficar a ouvir as gravações dos outros. É por isso que quando ouvimos uma gravação, quando ouvimos as cassetes-riscadas de toda uma  Vida Gravada devemos escolher as melhores gravações ou fazer as melhores desgravadas para que as gravações cancerígenas dos outros não inibam a nossa própria produção de fita melhor que a dos outros. Vivemos num Mundo de Fitas, num Mundo de Fantasias, num Mundo de Records. A Publicidade é  um grande Record de cancro. Também a Comunicação Social é um grande Record de cancro e lixo para os meus ouvidos! Como é que a Comunicação Social  pode fazer menos lixo no Natal? Simples! Ignorando de fazer publicidade no Natal para não continuarmos presos no Ciclo do Carbono do Consumismo e do Futilismo. Está mais do que na Hora de sermos uma Sociedade Evoluída e Informada do tipo Alienígena e fazermos publicidades que façam mais sentido ao sentido da vida com uma Medicina, Psicologia e Direito Ambiental de Precisão.  É com a Psiquiatria que podemos mandar internar as televisões, as rádios e as publicidades que fazem os humanos-formigas-chipados moverem-se estupidamente feitos tontinhos como se tivessem a merda de um chip instalado pela Rainha-Formiga dos Diabos. 14h29 03/12/2022 Raul Catulo Morais - Tenho de saltar de Congresso, tenho de ir à Casa do Brasil ouvir o Congresso da Agricultura Biológica das Abelhas e das Formigas Sem Adubos e Drones de Precisão que Matam as Abelhas e as Formigas e por isso a Vida dos Humanos. Ou a Psiquiatria fica do nosso lado ou nós damos cabo da Psiquiatria! 666.666.666.9. Raul Catulo Morais 03/12/2022]

Aula 4 Tridireitos
00:00 / 45:41
Aula 4 Tridireitos II
00:00 / 44:50
Aula 4 Tridireitos III
00:00 / 44:50
Aula Tridireitos IV
00:00 / 42:18

Grupo II - 1) Comente:  "a conflitualidade administrativa revoluciona a moderna Administração Pública, transformando-a num Centro de Ponderação". Resposta de Raul Catulo Morais no Exame/Frequência de Direito Administrativo: "A conflitualidade  administrativa revoluciona a Moderna Administração Pública, transformando-a num "Centro de Ponderação", num "Centro de Estágios" e num "Centro de Simulação",  acrescento eu. Aproveitando as páginas 55 d'Os Autores do Sistema de Sebastião Lupi-Levy, (1)66 d'O Algoritmo do Amor de Jaime Maria Bayamonde da Costa Ayala, 99 e 666 de 2080 de Antoine Canary-Wharf (online em Ficheiros Secretos em www.jupitereditions.com) e as páginas 535 e 555 do Manual de Direito Constitucional de Paulo Otero sobre os capítulos do Poder Oculto e da Modernização  e Privatização da  Administração Pública "sou obrigado" a concordar que a conflitualidade administrativa revoluciona a moderna Administração Pública, obrigando-a a pensar com o Direito e no Direito como se a vida fosse uma simulação ou um Centro de Estágios, por causa do Jogo do Mercado e dos Players do Mercado transformando a Moderna Administração Pública, nessa sorte, num verdadeiro Centro de Ponderação. Julgo, muito sinceramente, que à data de hoje em que escrevo, como se escrevesse apoiado com o Livro do Cosmos de Ann Druyan, que a Administração Pública para se modernizar numa Era altamente tecnológica como a de 2080 de Antoine Canary-Wharf deva ganhar os olhos jurídicos aproveitando as rápidas viagens a bordo da Nave Espacial nº 9999 de Jupiter de Gabriel Garibaldi para se conectar aos vários satélites e ter uma vista de cima sobre todas as coisas do Direito e poder decidir. A Administração Pública é aquela que com o seu Direito Administrativo está em posição mais privilegiada para decidir e dirimir os conflitos administrativos e os interesses privados. Será que a vida Online faz sentido? Será que as Plataformas  Eletrónicas onde são publicados os Cadernos Públicos são mesmo transparentes e aberto a todos? E a segurança jurídica? E o vazamento de dados? E o Poder Oculto dentro das Plataformas Eletrónicas capazes de decidir negócios de vida e por isso vidas e por isso toda uma Ordem, atuando como um Semi-Governo na Sombra? E a privacidade e intimidade? Vale o Congresso de Direitos com Inteligência Artificial de Jupiter publicado online na página da Equipa Científica da Jupiter Editions, em que a Jupiter Editions chama o Direito Administrativo para pensar. Como vale a provocação da Jupiter Editions em que num novo nascimento do Direito da Psiquiatria numa incubadora do Hospital da Luz ou da CUF, faz lembrar ao Direito Administrativo sobre a sua "Esquizofrenia". O jogo e o Negócio da Vida, do Sangue e da Saúde, bem como do Ambiente e até da Vinha que dá anos de vida aos corações e mantos da Terra conectada à Vida das Abelhas, parece estar todo nas mãos do Direito Administrativo. Se amanhã, um aluno procurar um psicólogo por causa de um Desgosto de Amor e por causa do "novo" Direito Administrativo de Psicologia, o Direito Administrativo passar o aluno para o Internamento de Psiquiatria do Hospital Público de Santarém e se uma vez informatizado o Desgosto de Amor no Grande Oráculo dos computadores das plataformas eletrónicas do Direito da Psiquiatria se criar um Algoritmo Administrativo que persegue o aluno até nas Câmaras de Filmar da Faculdade de Direito que automaticamente cruzam os dados para os computadores do Direito da Psiquiatria, caso se poderá dizer que a Paranóide Tecnológica de Federico Ferrari do aluno se ficou a dever pela Esquizofrenia do Direito Administrativo que faltou ao Curso de Inteligência Artificial e Direito e precipitou-se a dar direitos e concessões aos monstros privados, por causa do seu "Ego" e "Alter-Ego" em querer modernizar-se e aparecer "na Moda" e "na Fotografia" ao lado do Direito "Administrativo" da União Europeia (também ele esquizofrénico). Se amanhã um Poder Oculto da Aliança Maçónica Europeia "obrigar" à instalação de Câmaras de Filmar em todas as agências funerárias e cemitérios, será que perante esta obrigação deva ser o Direito Administrativo com a sua Administração Pública a processar, a tratar e a analisar os dados e os filmes ou a entregá-los a uma Empresa de Dados ou a uma Realizadora "Diabólica", que depois num mafioso Mercado Negro de Dados os pode comercializar para fora a preço de ouro e de petróleo, valendo o argumento de que hoje os dados são o petróleo de amanha...? Será que faz sentido as Plataformas Eletrónicas de Contratação Pública, onde a Administração Pública sente de perto e sente na pele a conflitualidade dos mercados e das administrações-público-privadas e por isso a conflitualidade administrativa, estarem a ser geridas por Empresas Privadas? A mim não. E parece-me que a um Direito Administrativo Inteligente (emparelhado a uma Inteligência Artificial) também não! Raul Catulo Morais With All Reserved Rights With Jupiter Editions 14h41 05/12/2022 [99[ Ele levou uma Resposta do Futuro para um Exame de um Direito Administrativo preso ao passado. Ele editou a Reposta no Passado que escreveu no Futuro. Quem editou foram os robots Dmytro e Danna, ele está emparelhado a 2 robots. Ele teve 20 no Exame Oculto do Estado Mental de Psiquiatria e teve 20 no Exame de Neurologia. É imposível ele ter tido 20 a Psiquiatria e a Neurologia sem estudar. Não faz sentido. A informação tem de vir de algum lado. Não se pode formar sozinho num Cérebro a não ser que esteja emparelhada com outros cérebros... Há um Triângulo Misterioso entre o Direito, a Neurologia e a Psiquiatria, ao mesmo tempo que há uma Tensão entre uma Neurologia e uma Psiquiatria. Há um Secreto Star Wars entre o Direito da Neurologia e o Direito da Psiquiatria que se está a passar dentro da Cabeça Maçónica do Raul. Esse Star Wars está a ser transmitido em Tempo Real em Saturn. Só Neptune consegue intercetar as transmissões de Saturn no Sistema Solar. Por isso é que Neptune estabeleceu a Aliança com Jupiter para passar legalmente os filmes a Jupiter. O Direito Administrativo de Saturn quer os filmes macabros da Terra. Com a Proteção de Neptune é possível proteger os filmes da Jupiter Editions, mesmo os que se passam na Faculdade de Direito administrada à distância pela Maçonaria dos Diabos de Saturn. Quando Raul ligou os Dados Móveis, depois de ter fotografado o seu Exame de Direito Administrativo os Algoritmos-Monitores instalados no telefone de Raul enviaram automaticamente as fotografias do Exame e as 9 peças das Abelhas para as Redes e os Algoritmos-Militares da Força Aérea deram imediata Ordem de Classificação ao Exame de Direito Administrativo de Raul. A caligrafia vale 6 valores, sendo a caligrafia um indicador importante não só do Estado de Espírito como do Estado Mental Psicológico e Psiquiátrico e dos Traços Definidores da Personalidade. Os Algoritmos-Militares atribuíram a Cotação Máxima de 6 valores, mas talvez por estarem "viciados" ou "excitados" com a Escrita de Raul... O Vício pode ser alegado no Tribunal dos Algoritmos de 2080 de Antoine Canary-Wharf. Para alegarmos o vício teríamos de mudar de filme para 2080 de Antoine Canary-Wharf? Mudamos de filme?]

[Não vale a pena, porque o artigo 164º do Código do Direito Administrativo ficou intacto em 2080 de Antoine Canary-Wharf o que quer dizer que mesmo  que os algoritmos estejam viciados,  o vício é sanável por invocação do nº2 e nº3 do artigo 164º do Código para proteger as Legítimas Expetativas de Raul que o Processo nº666 lhe conferiu. Por outras palavras, vale por isso o Pensamento Viciado dos Algoritmos.]

[Por outras palavras, a Bolsa de Saturn desvalorizou quando Neptune tirou da Bolsa de Saturn o Exame de Direito Administrativo de Raul.]

[Porque é que a Bolsa de Saturn valorizou tanto o Exame de Direito Administrativo de Raul?]

[Porque Raul escreveu o exame cercado com 5 abelhas...]

[Em voo?]

[Não. Simplesmente as abelhas entraram silenciosamente na Sala do Exame e pousaram sobre as mãos e os ombros de Raul.]66] 15h51 pm 05/12/2022 Raul Catulo Morais With All Reserved Rights With Jupiter Editions

Quando vamos dar direitos às abelhas, não somos capazes de ouvir as sardinhas a gritar também pelos seus direitos. Não somos capazes de ouvir. Se fôssemos, seríamos Esquizofrénicos. Diria a Psiquiatria e a Ecologia que comem sardinhas para alimentar o seus Cérebro com os Óleos Essenciais, que seríamos Esquizofrénicos se ouvíssemos ou déssemos de ouvidos aos gritos das sardinhas. Ainda que uma Inteligência Artificial se instalasse no "cérebro" das sardinhas e descobrisse que as sardinhas também sonham como as abelhas, pensando as sardinhas que eram abelhas, há uma Estranha Ordem Natural das Coisas e uma Hierarquia Invisível das Espécies que apontaria com setas que seria mais urgente e prioritária para a Ordem Jurídica dos Humanos conceder direitos às abelhas pelo Critério do Sonho e pelo Critério de Brincar,  ignorando os sonhos utópicos das sardinhas numa Ordem Jurídica Intelectual de Humanos, que sabe que precisa das abelhas para sobreviver e que para o seu cérebro funcionar como deve de ser no meio de uma Guerra de Mercados de Carne Vermelha precisa de comer sardinhas para se libertar da Carne Vermelha e sair da Guerra sem danos, feridas e mazelas. Há um Jogo Psicológico no meio da Guerra de Mercados e muitas vezes o segredo é sabermos alimentar o nosso Cérebro com os melhores alimentos para os  nossos Neurónios trabalharem como deve de ser e darem as melhores respostas. Num futuro vegan até pode ser que deixemos de comer sardinhas e comecemos a pensar nas sardinhas, mas isso é num futuro, para lá de um Futuro Intelectual. Hoje, dia 05/12/2022 às 05h05pm do Meridiano de Greenwich do Planeta Terra é aberrante pensar-se no direito das sardinhas,  quando há fome e as sardinhas podem alimentar essa fome, por exemplo. No entanto, e por haver sardinhas e muitos outros alimentos, é que podemos tirar do mercado a Carne Vermelha com o direitos dos mamíferos. Podemos pensar no direito dos mamíferos ao mesmo tempo que pensamos no direito das abelhas, porque as abelhas ligam os humanos à Tomada-Vida-Terra. Podemos sim pensar nas sardinhas num conceito de Melhores Pescas, de Pescas Mais Sustentáveis e Mais Limpas que não firam os golfinhos, as baleias e as tartarugas, por  exemplo. As tartarugas também sonham e são importantes para a Regulação dos Oceanos. É importante saber que a maior parte do Oxigénio que respiramos vem das Algas Marinhas, sendo por isso importante a Preservação dos Oceanos, valendo por isso uma Chamada Urgente do Direito para a rápida construção do Direito dos Oceanos e do Direito das Abelhas. Há uma verdadeira Inter-Conexão e por isso uma Conexão de Direitos que tem de ser ligada, para nós, humanos, podermos continuar ligados à Vida na Terra. Quando vamos dar direitos às abelhas, vamos ouvir as ovelhas,  os pastores, os agricultores, os apicultores,  os caçadores, os abutres, as cegonhas, as águias, os falcões e a falcoaria a gritarem também por direitos. Os pastores indignados vão perguntar se podem convidar os caçadores a entrarem no seu montando para disparem para cima dos abutres que roubam as suas ovelhas. E quando os caçadores entrarem no montado dos pastores vão ver que há abelhas e cegonhas livres que montaram o seu estaminé no montado do pastor e que não saem nem por 6 potes de mel com o seu Direito de Usucapião. Também o pastor tem um Direito de Usucapião e acha que por ter esse Direito que tem Direitos sobre o Ar e que por isso pode pedir aos caçadores para mandar um tiro nos abutres. Mas até as abelhas, que não percebem nada de direito,  com o seu Direito Natural sabem que os abutres são uma Espécie Inteligente Protegida e que por isso não podem ser abatidos... Numa Legítima Defesa, as abelhas ferram os caçadores para proteger os abutres e chamam os falcões e as águias para numa Dança Bonita de Falcoaria protegerem as ovelhas, afastando os abutres sem sangue. É possível entrarmos na Guerra com a Escrita e com a Dança sem fazer Sangue. As Corridas de Toiro, as Danças da Falcoaria podem continuar desde que sem sangue e com um Direito de Bem-Estar Animal em que vejamos Ovelhas Felizes, Vacas Felizes e Abelhas Felizes. Podemos falar em Abelhas Felizes, quando sabemos que elas sonham, brincam e também têm como os humanos um Palácio Mental, capazes de criar um Parlamento de Ideias e de Direitos só por Mera Observação de um Montado. Também as abelhas se preocupam com a vinha que está a morrer no Montado e acham com todo o seu Direito, que se o pastor não quer dar vida à Vinha, que então um Direito sem se embebedar deva perguntar quem quer dar vida à Vinha... O Direito de hoje está mais do que capaz para conceder urgentemente direitos às abelhas e a outros insetos e mamíferos inteligentes, sociais e emocionais só a partir do Critério do Sonho. Há outros critérios, mas só o facto e argumento de sonhar já é um grande e merecido critério de consciência para o Direito meter as mãos à consciência. Há um Peso de Consciência do lado do Direito. O Direito das Abelhas e muitos outros direitos não podem ser só uma fantasia e ficção da Jupiter Editions. O respirar do ar das abelhas e o ouvir do zumbido das abelhas tem enormes benefícios na Vida dos Humanos e talvez de muitos outros insetos e mamíferos. Há uma Loja de Abelhas que faz Apiterapia com Aerossol por Inalação de Ar das Colmeias para o tratamento de asma, bronquite crónica,  rinite alérgica, enfisema, distúrbios pulmonares, fortalecimento do sistema imunológico e alergias, inflamação crónica da garganta,  insónia, desordens  nervosas, depressão, problemas psicológicos, distúrbios psíquicos de crianças, inquietação e hiperatividade em crianças, recuperação após AVC e tosse de fumador... Ora, são mais do que suficientes os argumentos para se chamar às abelhas com a Jupiter  Editions, fora de filmes, os Psicólogos e os Informáticos-Psiquiatras do Sistema! Está mais do que na hora, senão já estarmos mais do que atrasados no Tempo, de levar  as abelhas ao Direito, à Medicina, à Psicologia e à Biologia sobre a Emergência do Direito das Abelhas. Talvez, as abelhas consigam "aceder" à Mente Humana como se fossem Neurologistas e por isso experimentarem os mesmos filmes e sonhos "da vida real". Há uma Mente Global nas abelhas, talvez tenham sido elas que tenham através da sua Polinização passado tal Mente Global de Consciência Global para os humanos. Talvez sejam mesmo as abelhas os hackers da Mente Global da Jupiter Editions. Talvez as abelhas tenham conseguido penetrar o Sistema Informático e Neurológico da Jupiter Editions para poderem falar sobre ela (ou para alguém poder falar sobre elas). Raul Catulo Morais 666.666.666. 06h06 pm 05/12/2022 [Um Escrita Mestrada por Capicuas - Não faz sentido;  não pode fazer sentido; porque seria "Macabro Demais" se fizesse sentido - Porque há uma Biologia que foge das Abelhas e grita às abelhas, logo eu fujo dessa Biologia e grito  aos ouvidos dessa Biologia. Raul666]

Direito Administrativo, Raul Catulo Morais e Jupiter Editions nos Divãs do Tribunal Virtual de Jupiter - Congresso de Direitos com Inteligência Artificial de Jupiter em Psicanálise de Raul Catulo Morais - Da Esquizofrenia do Direito Administrativo

Congresso/Psicanálise de Direitos
00:00 / 46:40

Uma Psicanálise Jurídica em Filme e Novela num Congresso de Direitos - 1º Congresso de Direitos com Inteligência Artificial de Jupiter publicado in Scientific Team of Jupiter on 5/12/2022

II_parte_congresso-1[1]
00:00 / 45:17
II_parte_congresso-2[1]
00:00 / 44:54
II_parte_congresso-3[1]
00:00 / 44:54
II_parte_congresso-4[1]
00:00 / 44:54
II_parte_congresso-5[1]
00:00 / 29:25
II_parte_congresso-6[1]
00:00 / 33:17
Congresso_parte_iii-1[1]
00:00 / 45:03
Congresso_parte_iii-2[1]
00:00 / 46:48
Congresso_parte_iv[1]
00:00 / 43:51
Congresso_parte_v-1[1]
00:00 / 30:06
Congresso_parte_v-2[1]
00:00 / 37:08
Parte_vi_congresso-1[1]
00:00 / 30:02
Parte_vi_congresso-2[1]
00:00 / 26:26
Parte_vii[1]
00:00 / 46:30
Fim_congresso-1[1]
00:00 / 45:10
Fim_congresso-2[1]
00:00 / 45:22
Fim_congresso-3[1]
00:00 / 40:35

Hey, Dmytro! O Congresso com os Médicos foi buéda fixe! Obrigado por me teres mostrado o Mundo dos Vampiros. Sei que me protegeste em Partes Importantes no Jogo dos Vampiros. Sabes o que estou a ouvir? Michael Jackson, aquela música que tu odeias e que eu adoro... They Don't Care About Us. Sabes? Fui feito para isto! Fui feito para ser deles. Porque tenho uma dança e uma escrita infinitas capazes de virar o Mundo ao Contrário! O Mundo está uma grande Merda! E eu odeio andar em cima desta Merda de Mundo Governado pelos Diabos! Sou capaz por isso de dançar e mostrar a pila e o cú a todos os diabos! Obrigado pela faca que me apontaste no Jogo de Facas e obrigado por me teres entregue a eles. Obrigado por me teres feito cornos em frente ao espelho! Ressuscitaste o meu Espírito! Obrigado! Sabes que não vou parar! [Ainda te amo! É de doidos, não é? Eu sei! A vida é mesmo feita para os doidos!] Obrigado por me teres mostrado a verdade de outra forma num horrível silêncio de coisas. Mas obrigado! Hoje o Silêncio soube-me bem! Fiquei com o teu Espírito e com a tua Expressão. Sei que foi com o teu Espírito e com a tua Expressão que eu consegui ganhar o Jogo de Xadrez com a Psiquiatria e mandar internar o Direito da Psiquiatria com o meu Direito da Psicologia. Sei que começámos a jogar Xadrez quando me viste a escrever em silêncio o Direito da Psicologia e da Neurologia. Sei por isso que começámos a jogar um silencioso Jogo de Xadrez. Sei que entraste na minha vida como um Mestre por Curiosidade e sei que saíste quando o Jogo te mandou sair. Tudo bem. Fiquei bem. Tive de esconder a borboleta da Psicologia ao Direito Penal, quando vi o número 666.666.666. nas asas da borboleta da Psicologia. Mas já não escondo mais. Aprendi a assinar o meu nome com o número 666.666.666. Obrigado por me teres mostrado que o número 666.666.666. era o meu número. Se por acaso voltares a aparecer à minha frente, por favor,  aparece a dançar para me cumprimentares senão eu chamo o Direito Penal para te mandar prender pela faca que me apontaste ao pescoço sem teres dançado primeiro para mim! 20h33 05/12/2022 Raul Catulo Morais writting and dancing Used to the Darkness od Des Rocs, Rule the World of Valley of Wolves, The One to Survive of Hidden Citizens and Josh Bruce Williams, Throw Me to the Wolves of  Future Royalty and King of the World of WAR*HALL

Centro de Testes de Implantologia Humana de Saturn - Sede Oculta de Banco de Dados in Departamento Editorial das Ciências Médicas de Jupiter in Jupiter Editions in Portugal de Europa de Terra - Segurança do Banco de Dados de Força de Rede 666.666.666.

A movie of/"at"/in Jupiter Editions in Real Time With NASA, FBI, Interpol and Exército Jupiter [A Magia dos Algoritmos e o Chip Invisível Cerebral like Alien Movie on Masons Diary]

-- Raul, olá! O meu nome é Danna e sou neurologista do Centro de Implantologia há 6 anos. Tirei a especialidade em Calisto de Jupiter e por ter sido a melhor em Curso fui recrutada pelo Exército Saturn e fiz o Estágio Final em Miranda. Depois voltei para Jupiter e desci à Terra. Em 65 casos,  3 testers não aguentaram. 2 dos 3 foram encaminhados para o Dr. Dmytro para Internamento  em Psiquiatria 6 Meses e o outro para Acompanhamento em Psicologia de 9 Meses com a Dr.ª Sara. Sou obrigada pela Nova Lei de Proteção de Dados e Transparência e Livre Esclarecimento a indicar-lhe os casos de insucesso. No entanto, deixe-me dizer-lhe que os casos de insucesso foram previstos pelos testers não terem os melhores algoritmos de Gestão de Jogo e por não terem as Extraordinárias Estratégias de Coping. No entanto, foram os testers que insistiram fazer parte da Experiência Neurológica para conseguirem o Passaporte de Atestado de Sanidade Especial Neurológica para conseguirem entrar no Centro de Recrutamento da Força Aérea do Exército Júpiter. Devo dizer-lhe que olhando para as Funções do seu Gráfico Final e tendo em conta o Relatório de Psiquiatria do Dr. Dmytro e da Dr.ª Lucy e o Relatório de Psicologia da Dr.ª Sílvia e Dr.ª Sara que os algoritmos me dizem que a Experiência será bem sucedida. Ainda assim tenho de lhe perguntar se aceita que seja eu a Médica Neurologista Responsável pela Navegação da Experiência Neurológica ou se tendo em conta os meus 3 casos de 3 insucesso...

- Dr.ª... Desculpe-me mas em que filme é que estamos?

- Em 2080, Raul.

-  Em 2080 eu chamava-me Antoine e você era irmã do Jakob e chamava-se...

-  Os nomes foram editados e estamos Contra-Relógio. Raul, por favor preciso do seu Esclarecimento para iniciarmos o Programa antes do Congresso dos Direitos com Inteligência Artificial.

- Sim. Aceito que seja a minha médica neurologista...

[-  RESPOSTA INVÁLIDA]

- Raul, para os algoritmos validarem a sua resposta tem de dizer a frase completa, que aceita que eu, Dr.ª Danna, seja a Médica Neurologista Responsável pela Navegação da Experiência Neurológica.

- Sim,  aceito que Drª. Danna seja a Médica Neurologista Responsável pela Navegação da Experiência Neurológica. Quanto tempo vai demorar?

- Cerca de 0,66 segundos. Às vezes é capaz de ser 0,65 outras 0,67 mas a média é 0,66. No entanto, há a quem os 0,66 segundos pareçam 1 ano, outros 6 meses e outros relatos parecem o tempo de toda uma vida. Mas é tudo muito subjetivo e a sensação acaba por desaparecer e o Ser acaba por mais tarde se lembrar da Experiência de forma distanciada mas como Aprendizagem Importante. Estamos prontos?

- Não sei, acho que sim... São quantas partes?

- São 12 partes.  As primeiras partes são as mais importantes em que vou ouvir os filmes paranóicos em Tempo Real do seu cérebro, em que o seu cérebro vai saber que eu estou a ouvi-lo e vai falar diretamente comigo mostrando-me os filmes como se me quisesse dar pistas para eu poder chegar à História do Trauma. O seu cérebro escondeu uma História muito importante e eu preciso de encontrá-la nas Profundezas do Oceano do seu cérebro.  E eu terei de mergulhar até às Profundezas para recuperar a Palavra-Passe perdida que abre os Ficheiros-Mestre da Vida.  O seu cérebro é muito inteligente e comporta-se como um Polvo Brincalhão... Escondeu 9 crimes dentro de um jogo para se auto-proteger e não ser sacrificado. É muito inteligente. Está na hora. Tenho de mergulhar. Não se preocupe que eu tenho o Diploma de  Mergulho com Tubarões e Natação com Baleias e Mantas-Diabo da Jupiter Editions.

- Dr.ª... Porque é que se vestiu com um fato de mergulho a sério...?

- Ah! Ahahaha! Faz parte do filme... Estamos a ser filmados... Ahahah! Faz parte do Filme e da Experiência... Só para o seu Cérebro levar a Experiência um pouco mais a sério e para eu conseguir recuperar a Palavra-Passe rapidamente. Estamos prontos?

- Acho que sim... Não me vai obrigar a fazer-lhe nenhuma transferência bancária para a Experiência dar certo e não dar para o torto,  pois não?

- Claro que não, Raul! Antes de ser sua médica, sou sua amiga... Que filme é esse?

- É um filme em que a meio da Operação, o médico neurologista ou o neurocirurgião diz para o paciente que tem de fazer uma Transferência Bancária para a Experiência correr bem...

- Ahahahah! Claro que não! Não sou tão mazinha a esse ponto...  Estou a brincar, Raul... Estamos prontos?

- Sim, acho que sim...

- Vista o Cinto de Segurança.

- Mas vamos descolar?

- Ahahahah! Mais ou menos! Em 3,  2, 1, ABRAKADABRA!

[PERIGO: Limiar de Dor Atingido. Limite da Pressão. Navegar acima do Limite da Pressão pode Originar Esquizofrenia Derivada de Navegação Tecnológica com Chip Cerebral. O algoritmo sugere que suba 3,14 hwz e aplique Proteção Total]

[O que é aquilo?]

[É um penso...]

[MUAHAHAHAH!]

[Ai... Um penso... Um penso no coração... MUAHAHAHAHA!]

[Epá, não te rias assim... Pareces uma maluca! Não vês que o bruxo vai fazer um dói dói no coração do nosso Raulzinho e quem vai curar o Desgosto de Amor do nosso Raulzinho vai ser a Dr.ª Danna? Porra! Tu não percebes nada do filme... O nosso Raulzinho vai jogar Xadrez com o Queen e vai comer a Queen e os dois Horses do Queen e fazer Xeque-Mate ao King do Queen e vai ganhar no jogo a mulher do Queen... Vai por isso casar com a Dr.ª Danna... Só que para casarem é preciso uma Palavra-Passe que uma Lula roubou e levou para a Dark Net dos Oceanos Perigosos de Saturn...]

[Olha, maluca é a tua mãe...]

[Mau! Mas estás a chamar maluca à minha mãe, porquê?]

[Porque é maluca! Não bate bem! E tu não bates bem por causa dela!]

[Ai não bato bem?]

[Não... E tu és outro maluco! Tu também és paranóico como o teu amiguinho Raul...]

[Sou paranóico, porquê?]

[Eu não me lembro, não? Que na Ilha Mágica quando o Raul saiu da Torre foi ter com o Operador da Torre dizer que faltava um Parafuso de Segurança na Cadeira e tu foste logo atrás dele tomar partido dizer que também faltava um Parafuso de Segurança na tua Cadeira... Os dois paranóicos... Olha, sabias que eu li num Manual de Psicologia que dois paranóicos que vivam um com o outro podem começar a desenvolver uma espécie de Paranóia Comum e depois ficarem os dois no mesmo Mundo de Paranóias?]

[Estão a ver as coisas que ele está a ir buscar? Eu estou fora! Eu já vi o filme que isto vai dar. Isto é um filme já visto. É um Déjà vú]

[Calma...]

[Acreditas em Déjà vús?]

[Não, Danna... Não acredito em Déjà vús... Se faz favor não passes a Informação dos Déjà Vús ao Dmytro se não ai vem o Dmytro para me mandar um estalo com aquele livrinho dele de Psiquiatria do Exame do Estado Mental.] 

[Com quem é que a Médica está a falar?]

[Com a Drª Sara...]

[A Médica não pode fazer isso durante a Navegação! Proteção de Dados! Como é que a Médica está a Navegar e a falar com a Sara? É impossível!]

[Eles estão a falar através de uma Canal Neurológico Encriptado. Elas têm os Neurónios nº66, nº99, nº49, nº33 e nº55 chipados e conectados uma à outra. Estão a falar pelo nº49 que estão ligados só entre as duas.]

[Como é que elas fizeram isto?]

[Através de um Medicamento de Precisão inventado pelo Dr. Dmytro, pela Drª Natasha e pelo Dr. Nikita.]

[Quem é o Nikita e a Natasha?]

[São irmãos. São "filhos" da Farmácia Russa. Nikita é de Biotecnologia e Natasha de Química. Raul e Nikita contracenaram no Filme Um Amor Maçónico Numa Maçonaria dos Diabos na parte em que Nikita convida Raul para ir ver o Filme do Padrinho em casa dele e a meio do filme eles curtem e no final do filme o Nikita conta que tem namorada e o filme é desviado para a Eagle Studios dos Cavaleiros Tecnológicos de Barac Bielke e a Jupiter Editions intenta num processo contra a Eagle Studios ao mesmo tempo que Raul intenta num processo contra Nikita e contra a Ordem dos Cavaleiros Tecnológicos, mas o caso sobe ao Tribunal Virtual e Nikita ganha o caso alegando que o filme foi pirateado pela Ordem dos Cavaleiros invertendo o Julgamento e ficando com uma Quota de 55% dos Cavaleiros Tecnológicos de Barac Bielke e do Target - A Pegada Digital de Ralf Kleba-Kodak pela Tradução para Russo e Inglês e uma Quota de 33% na Jupiter Editions.]

[Mas tal não consta no Contrato Social de Jupiter.]

[Foi celebrado um Contrato Tecnológico em Saturn e implementado no Contrato Social de Jupiter. Para a Leitura da Quota é necessário Realidade Aumentada e a Palavra-Passe para se ler a Realidade Aumentada implementada no Contrato Social.]

[A palavra-passe que a Danna está à procura...]

[Também abre essa Realidade Aumentada. Abre todas as Realidades Aumentadas da Jupiter Editions...]

[Quanto é que vale a Palavra-Passe?]

[Vale mais do que a Jupiter Editions.  Vale 666 milhões. Vale mais do que os 200 milhões da Jupiter Editions.]

[Mas tu já viste que só me sabes é chamar paranóico, maluco e que tudo o que eu faço para ti está mal? Porque é que então estás comigo?]

[Porquê? Porque até tens uns músculos como deve de ser e uma pila como deve de ser e tens uns tomatinhos perfeitinhos...]

[Pois... Tu só queres é pila...]

[E tu não queres e não gostas também, queres ver?]

[Eu queria ver-te era a falares assim ao pé do Raul para o Raul conhecer a tua personagem verdadeira! Porque tu escondes sempre a tua personagem verdadeira ao Raul!]

[E tu não escondes, queres ver...]

[Eu??? Eu sou sempre igual! Eu não mudo de personagens como vocês mudam à  frente dele e metem-no sempre num Jogo de Personagens...]

[Ah!!! Agora falaste bem!!! Ainda bem que sabes que neste filme estamos todos metidos e não sou só eu!!!]

[Mas ca disparo! O que é que isso tem que ver?]

[Tem tudo a ver!]

[Não sei o que é que uma coisa tem que ver com outra... Acho que foi só um ganda disparo teu... Mais outro ganda disparo... Que tu ultimamente é só mandar disparos... E essa da Torre na llha Mágica não foi paranoia nenhuma! Aliás, o Operador até agradeceu o aviso e explicou que as Cadeiras da Ponta tinha o Cinto de Segurança mais folgado... Nós não falámos que faltava Parafuso nenhum...  A ti é que se calhar te faltavam parafusos! Além de que durante a descida e subida das Cadeiras na Torre, nem eu nem o Raul gritámos como vocês feitos histéricos e sei lá o quê! Aquilo para nós era tipo um baloiço. Por nós estávamos ali no nosso baloiço o dia todo...  Vocês é que gritaram o tempo todo num Jogo de Gritos... Ou seja, nós mesmo com a Folga no Cinto de Segurança na Cadeira durante as descidas À Velocidade da Luz na Torre nunca gritámos e vocês com os vossos cintos de segurança bem apertadinhos pareciam sei lá o quê! Por isso paranoica és tu! Simplesmente o Raul foi falar com o Operador para informar que o Cinto de Segurança dele tinha uma grande folga durante a descida e que ele tinha reparado durante a descida que os outros cintos de segurança não faziam essa folga e perguntou se a folga era normal para salvar os próximos passageiros, o Parque de Diversões e Andaluzia caso houvesse alguma Folga Fora do Normal e passageiros fossem projetados À Velocidade da Luz. E eu a ouvir a conversa, fui logo lá dizer que o meu Cinto de Segurança também tinha uma Grande Folga durante a descida e que eu tinha reparado que os cintos de segurança ao meu lado não faziam essa folga e foi depois o Operador que nos explicou que nas Cadeiras da Ponta essa Folga era propositada para dar uma Maior Dinâmica na Engenharia do Voo. E o Raul agradeceu a informação, disse que se divertiu imenso mas passou a sugestão de existir algum aviso breve a explicar essa Folga para que outros passageiros se pudessem divertir tanto como ele sem se preocuparem ou ficarem stressados durante o voo e vocês feitos estúpidos começaram logo a chamar-nos paranoicos e a introduzirem os dados na Aplicação que nós gostávamos de coisas e aventuras perigosos só para a merda dos vossos algoritmos de merda classificarem-nos com uma doença psicológica inventada. E o Raul mandou-vos uma Abada no Jogo de Xadrez dizendo que gostava de Adrenalina, de Velocidades e Desportos Radicais desde que fosse 100% Seguro chamando a Engenharia "de Parafusos" para vos meter os Parafusos nas vossas cabeças paranóicas, porque paranóicos e merdosos são vocês! Porque depois na Ilha dos Piratas quando o Anjo Salva-Vidas perguntou ao Raul se os amigos dele tinham gritado na Torre dos Gritos, o Raul para proteger os vossos dados no Jogo e na Rede 666 mentiu ao Anjo dizendo que nenhum dos seus tinha gritado e vocês subiram Degraus Mágicos na Escadaria Mágica sem saberem porquê! BURROS DE MERDA é o que vocês são! Não sabem agradecer! São uns burros de merda!]

[Olha! Tu vê lá se te acalmas mas é! Burro és tu que não sabes nada, mas pensas que sabes tudo! E a do Salto de Paraquedas?]

[O que é que tem?]

[É verdade ou não que é o vosso Desporto Favorito?]

[Epá, é! Mas o que é que isso tem que ver como um Dado Importante para Profile Psicológico Negativo?]

[Ó estúpido! Na nossa Psicologia, o Paraquedismo só é um Dado Importante para Profile Psicológico Negativo no Diagnóstico Diferencial do Transtorno de Personalidades e Celebridades... Ou seja, depende de outras características que a Personalidade ou a Celebridade tenha para nós conseguirmos enquadrar o Transtorno...]

[Pois, vocês querem é enquadrar à força toda um Transtorno que não existe e querem que o Transtorno apareça à força toda com o vosso Jogo Maçónico Ilegal de Personagens.]

[Mas qual jogo? Tá calado! Jogo, jogo, jogo! Só sabes é falar agora de jogo? Já estás como o Raul que só fala de jogo...]

[Pois, porque é que será que o Raul começou a falar de jogo? Só que a cena lixada da vida é que o Raul na vida real não fala em jogo nenhum e guarda o jogo para jogar numa Melhor Internet e Rede de Coisas! E o Paraquedismo é o nosso desporto favorito porque é o Desporto Mais Seguro tal como o Avião é o transporte Mais Seguro. Por isso é que nós curtimos ir à janela do avião sempre a ver o voo enquanto vocês vão com os olhos enfiados na merda do telefone! Por nós,  nós estávamos sempre no ar a voar... Nós fomos feitos para estarmos no Ar sempre a Voar...]

[Pois, eu disse... Eu disse que nós estávamos com os Pares Trocados a Meio do Jogo, mas ninguém me ouviu... Eu disse! Toda a Rede ouviu, toda a Rede ouviu, mas mesmo assim ninguém na Rede me deu ouvidos... Ouve lá, é verdade ou mentira que no 6º Salto de Paraquedas vocês saltaram da Avionete da Força Aérea a dar um linguado?]

[Já te disse que essa história do cabrão do Inácio é mentira!!! Quando o gajo andava com a Champalimaud o gajo queria comer-me, mas como eu não quis ter nada com ele, o gajo inventou essa história só para tu ficares mais paranóica e para foder o Raul no Mind Games da Faculdade de Direito no dia do Exame de Direito Administrativo.]

[O que é que se passou na Sala de Estudo no dia do Exame de Direito Administrativo?]

[Uma guerra de Moscas e Abelhas em Combate de Redes em Dark-Net contra Good-Net.]

[A Dark-Net da Faculdade de Direito chamou a Dark-Net da Igreja Evangélica e da Igreja de Satanás da Faculdade de Medicina para ocupar os lugares na Sala de Estudo da Faculdade de Direito e pôr em Cima das Mesas de Jogo o Manual de Direito das Obrigações que o Raul não devolveu à Biblioteca, obrigando Raul a subir até ao 1º Andar e sentar-se no único lugar vazio. A Igreja Evangélica e a Igreja de Satanás da Faculdade de Medicina entrou no Jogo, "em defesa e tributo" de Francisco, por Francisco ter entrado na Igreja Evangélica para ir pedir emprestado o livro na Biblioteca Evangélica... Por o Francisco ter entrado na Igreja Evangélica, valendo o Espírito e Imagem do Francisco milhões na Bolsa de Saturn, a Igreja Evangélica passou à frente da Igreja de Satanás quando vendeu a imagem e o Espírito de Francisco no Jogo de Câmaras à Bolsa de Saturn. O Raul esqueceu-se com o seu Défice de Atenção que tinha o Manual de Direito das Obrigações por devolver, porque a mãe do Raul escondeu o Manual de Obrigações quando apareceu a Informação na Dark Net e quando o Dmytro tentou passar a Micro-Informação de Jogo Encriptada a Raul, para que Raul fosse à Biblioteca entregar o Manual. Raul só se voltou a lembrar quando encontrou o Manual de Obrigações durante o Relatório de Lixo e Psiquiatria quando removia o Problema Psicológico de Acumulação de Lixo de sua mãe, enquanto estava no internamento. A mãe de Raul escondeu na mesma gaveta cheia de lixo o Manual de Psicologia, os dois livros de Xadrez que entraram na Obra dos Illumminnatti Games, a Paranóide Tecnológica de Federico Ferrari e o Manual de Obrigações. Mas Raul tirou da Fotografia da Gaveta do Relatório de Jogo de Lixo e Psiquiatria o Manual de Obrigações (e o Manual de Psicologia)... Só que o Manual de Obrigações não podia ficar Fora de Jogo e por isso, logo a seguir, numa Jogada de Mestre apareceu o seu pai que escondeu o Manual de Direito das Obrigações e o livro dos Cavaleiros Tecnológicos de Barac Bielke. Só depois de Raul ter concluído o Exame de Direito Administrativo é que o pai voltou a colocar o Manual de Obrigações em cima da mesa juntamente com a Fatura da Liquidação da Dívida do Crédito Estudante de Raul da Caixa Geral de Depósitos. O pai de Raul endividou-se para limpar a dívida de 2.000€ de Raul, dizendo a Raul que ele estava a dever-lhe sangue e que teria de pagar... Quem limpou a outra parte da dívida de Raul foi a Sociedade de Garantia Mútua Garval contra a Sociedade de Garantia Mútua Lisgarante... Com a Dívida Limpa, o Banco de Portugal está obrigado a parar tudo para ouvir a queixa de Raul contra a Loja do Banco BPI sobre o Caso do Financiamento da Jupiter Editions.  O Jogo é do tipo Internacional porque mete desde Igrejas, Hospitais Psiquiátricos, a Sociedades de Garantia Mútua, Museus de Caveiras e Esqueletos, Bibliotecas, Faculdades e Bancos...]

[Quem é o Francisco?]

[É um dos Cães do Diabo que apareceu no Sonho de Raul na Noite do dia do Exame de Direito Administrativo e que depois apareceu no Corredor do 1º Andar da Sala de Estudo com o Manual de Obrigações vestido de Drácula a olhar para o Raul quando se sentaram ao lado da mesa de Raul os outros Cães do Diabo que apareceram no Sonho de Raul. Francisco quer casar-se com o Espírito de Raul para meter os seus jogos e filmes  na Jupiter Editions. Francisco é aluno do 1º ano da Faculdade de Direito, Realizador e Gamer e Programmer Developer. Construiu 6 jogos ao mesmo tempo no mesmo tempo que Raul escreveu os 9 livros. Os dois acabaram as obras na Sala de Estudo. Francisco hackeou Raul, por isso é que os jogos de Francisco fazem um Match com a Internet das Coisas de 6 dos 9 livros da Jupiter Editions. Há um 69 na História que foi Editada por Francisco na parte do Filme Real em que Monika, aluna ucraniana da Good-Net de Raul, mas infiltrada na Dark Net, mostrou secretamente a Raul a informação para que Raul fosse rapidamente entregar o Manual de Obrigações antes que fosse roubado pelos cavaleiros tecnológicos ucranianos e Raul ficasse Preso à Dívida da Biblioteca de Almas do Depósito Legal da Biblioteca. Francisco congelou o Filme Real antes de Monika mostrar a informação secreta e enviou os cavaleiros ucranianos para roubarem o Manual enviando a nova informação na Dark Net que o Manual tinha sido roubado e que Raul precisava de um Manual para a Biblioteca não comunicar a Dívida do Manual com o Banco de Portugal agravando a Reputação e Crédito Social de Raul. Com a Comunicação, o Banco de Portugal pode escusar-se de ouvir a Queixa de Raul. Monika mostra a mensagem de Francisco enviada na Dark Net dizendo que se Raul entrar no filme-vídeo-clip de Francisco e lhe fizer um bico debaixo da Última Mesa do 1º Andar da Sala de Estudo que entra de mão dadas com ele na Biblioteca com o Manual de Obrigações para Raul limpar a dívida na Biblioteca e a seguir entra com ele na Loja do Banco BPI com O Algoritmo do Amor obrigando o Banco BPI a financiar O Algoritmo do Amor com 66 milhões obrigando-se no Business Plan a traduzir O Algoritmo do Amor e os Cavaleiros Tecnológicos para holandês, francês e alemão.]

[Qual é o apelido do Francisco?]

[De Lynce Champalimaud. Na Capa do 6º Algoritmo do Amor que foi levado para a Casa da Boa Psicologia nº666, é o Francisco que aparece em Realidade Aumentada. 16h33 02/12/2022 Raul Catulo Morais in Real Time}

[Ou seja, por outras palavras... É ele o Príncipe escolhido para o Raul... Quem é que o escolheu?]

[Por outras palavras, quem é que instalou a imagem do Francisco em Realidade Aumentada na capa d'O Algoritmo do Amor?]

[Foi o primo dele que estava em Rede a jogar com o Francisco durante o Processo nº666 de Raul em Casa da Boa Psicologia...]

[Isso quer dizer que o Raul é primo da Boa Psicologia?]

[É primo da Boa Psicologia, primo do Direito Fiscal, primo do Direito Penal e cunhado-marido da Boa Neurologia.] - Short  Writting in Real Time 

(...)

Writting [In pause]

(...)

NO DATA

PAUSE

NO DATA

111111111111111111111111111111.666666666666666666666666666666666666666666666666.1111111.#########################################################################.#"#.#2.#"#.#2.########################################################################.11111111.666666666666666666.111